Iasep e Sindsaúde discutem melhorias para o plano de saúde dos servidores

13/08/2015 20h01
Por Redação - Agência PA (SECOM)

A ampliação da rede de serviços de saúde nos municípios do Pará e o sistema de pagamento de clínicas e hospitais foram assuntos de reunião realizada da tarde desta quinta-feira, 13, entre a direção do Instituto de Assistência dos Servidores do Estado do Pará (Iasep) e coordenadores do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Estado do Pará (Sindsaúde). A presidente do Instituto, Iris Gama, falou aos sindicalistas sobre a abertura de novos editais para a contratação de serviços e sobre as regras do plano de saúde dos servidores. 

“Amanhã (sexta-feira) estaremos com editais abertos para a contratação de serviços em Oriximiná,  Itaituba e Parauapebas”, anunciou a presidente do Instituto. Segundo ela, em Parauapebas uma empresa já procurou o Iasep para oferecer diversos serviços de clínica médica e oftalmologia. “Onde há serviços nos municípios, nós estamos buscando o credenciamento e gostaríamos de contar com a parceria dos sindicatos para divulgar esses editais”, complementou Iris Gama.

A principal cobrança da direção do Sindsaúde era por serviços médicos em Santarém, após o fim do contrato de um hospital credenciado. A presidente do Instituto informou que o Hospital João XXIII está atendendo, desde 27 de julho, à demanda de urgência e emergência no município. O Hospital oferece ainda serviços de ortopedia e cirurgia geral, internações clinicas, raio-X digital, ultrassonografia, exames laboratoriais, gastro, pneumologia, ginecologia e eletroencefalograma. Iris Gama disse ainda que o Iasep está credenciando, em Santarém, a maternidade Irmã Dulce.

Outros temas discutidos na reunião foram as cotas de consultas e exames e reivindicação dos segurados por maior agilidade no agendamento de consultas e exames. Iris Gama explicou o funcionamento das regras do plano, estabelecidas na legislação do Instituto, e informou que as cotas existem para garantir atendimento eletivo (que pode ser agendado) a todos os segurados. “Para os pacientes crônicos, gestantes e outros casos especiais, o Iasep possui um programa de cota adicional, que garante um número maior de consultas e exames”, disse ela.

A presidente informou aos sindicalistas que na próxima semana ocorrerá reunião do Conselho de Administração do Iasep (Conad), no qual será discutido o equilíbrio financeiro do plano e a implementação de medidas de gestão que visam melhorar o atendimento aos segurados. A melhoria do sistema informatizado do órgão e dos canais de comunicação são algumas delas. A direção do Iasep também pretende convidar os sindicatos de servidores para uma reunião ampliada, na qual deverão ser apresentadas as medidas a serem implantadas.   

“Queremos um canal de comunicação aberto com a direção do Iasep e respostas para as reclamações que nos são encaminhadas pelos servidores”, disse o Coordenador Jurídico do Sindsaúde,  Fernando Moraes. O sindicalista disse que irá repassar aos servidores as informações recebidas sobre os pagamentos feitos à rede credenciada e deverá sistematizar as demandas dos segurados para encaminhar ao Iasep.

 Participaram da reunião a procuradora autárquica do Iasep, Marisa Lobato; a diretora de Saúde, Lúcia Souza; e os representantes do Sindsaúde Miriam Andrade, Wallace Garcia, Maria Helena da Silva e Mário Roberto Miranda.