Corpo de Bombeiros reforça auxílio às famílias em Marabá

15/01/2022 19h11 - Atualizada em 16/01/2022 21h15

Moradores são retirados dos locais que oferecem riscoNa manhã deste sábado (15), o Corpo de Bombeiros Militar do Pará e Coordenadoria Estadual de Defesa Civil, deslocou mais uma equipe ao município de Marabá, região sudeste do estado, para reforçar as ações de apoio a famílias afetadas pelas cheias dos rios Tocantins e Itacaiúnas. Enquanto isso, já no município, outra frente de ação, composta pelo coordenador adjunto de Defesa Civil, coronel BM Jayme Benjó, o secretário Regional de Governo, João Chamon Neto, e demais autoridades, se reuniu nesta manhã no quartel do 5⁰ Grupamento Bombeiro Militar, para traçar as ações do Estado frente às enchentes em Marabá, enquanto é aguardada a chegada da segunda parte da equipe de apoio.Autoridades se reúnem para definir formas de enfrentar os problemas causados pelas enchentes

"Estamos deslocando nesta primeira fase 500 colchões, de um total de mil para serem distribuídos aos necessitados, com apoio do governo estadual", informou o coronel BM Benjó, coordenador adjunto de Defesa Civil. Entre as pautas foram tratadas além da construção de abrigos, as estratégias e planejamento para o cadastramento das famílias beneficiadas pelo Programa Recomeçar do Governo Estadual.Profissionais que reforçam o atendimento às famílias em Marabá

Cadastramento de Famílias - Ainda neste sábado, com a chegada das equipes a Marabá e após estabelecerem as estratégias para o referido cadastro, no Centro Regional de Governo, a previsão é de iniciar, no domingo (16), o cadastramento das famílias afetadas pelas cheias no município de Marabá, visando cumprir o Decreto Governamental n⁰ 2.117, de 13/01/2022.

O benefício será prestado em parcela única, no valor de R$ 1.212,00 (um mil, duzentos e doze reais) por família atingida, para auxiliar na reconstrução das moradias. O cadastramento será realizado até 30 de abril de 2022. Após o cadastramento e verificado o cumprimento dos requisitos deste Decreto, o pagamento do auxílio será feito por meio de cartão magnético fornecido pelo Banco do Estado do Pará (Banpará).

Por Sargento BM Barreto (CBM)