Forma Pará: curso superior de gastronomia em Salinópolis é retomado

06/01/2022 17h40 - Atualizada em 06/01/2022 18h20

O único curso superior na área culinária ofertado por uma instituição pública do Norte, o Tecnólogo em Gastronomia da Universidade do Estado do Pará (Uepa) - oferecido pelo programa Forma Pará - retomou as aulas no município de Salinópolis, no nordeste paraense. As 50 vagas disponibilizadas no vestibular deste ano foram todas preenchidas para os turnos manhã e tarde na Escola Estadual Dr. Miguel Santa Brígida. 

A oferta do curso de Gastronomia por uma Instituição de Ensino Superior (IES) pública foi a resposta do Governo do Estado a uma demanda de localidades que têm no turismo seu principal apelo econômico. O objetivo é atender a necessidade de qualificar os profissionais na área, já que o município possui vocação para essas atividades.

Para a estudante Marília Souza, de 40 anos, o curso vai trazer uma nova perspectiva de vida. Após formada, ela pretende investir na gastronomia. “Tenho certeza de que o curso vai trazer benefícios para todos, pois nós moramos em uma município que já precisa de um curso de gastronomia para fomentar e qualificar a mão-de-obra, então era isso que faltava. Eu poderia ter seguido por outras áreas, mas a gastronomia era um sonho que pretendo investir quando estiver formada”, disse ela
que está no primeiro período do curso, em Salinópolis.

A mesma opinião é compartilhada por Manoel Rodrigues da Silva, também estudante de gastronomia e morador de Salinópolis. “Eu já trabalho há 30 anos com a gastronomia e a partir do programa Forma Pará, eu não tenho mais sonhos e sim projetos. O curso com certeza vai mudar minha perspectiva de vida e trazer benefícios grandes. Posso dizer que o Forma Pará é o maior programa educacional do Brasil e estou muito feliz em estar nele, fazer parte dele, quando essa oportunidade surgiu em nossa cidade eu não pensei em outra coisa e fui buscar meu sonho”, explicou ele que é proprietário de uma hamburgueria na cidade.

Manoel Rodrigues da SilvaO Programa

Lançado e criado em 2019, o programa Forma Pará é uma ação do Governo para reduzir o déficit de acesso de jovens e adultos na formação superior, além de aumentar o número de cursos ofertados por Instituições de Ensino Superior (IES) públicas do Estado. De forma inovadora, o Forma Pará atinge munícipios onde não há campus de universidades públicas ou que não há determinados cursos.

Cristiane Burlamaqui“Boa parte dos alunos já trabalham no setor e tem restaurantes ou são merendeiras em escolas, então eu penso que esse curso de gastronomia vai capacitar essa mão de obra na região. Isso também dá uma oportunidade de explorar elementos regionais como pescado, açaí, enfim, vão poder melhorar as técnicas que já utilizam aqui para trabalhos futuros”, observou a professora-doutora Cristiane Burlamaqui, do curso de letras da Uepa que ministrou a disciplina de português instrumental no curso.

O Governo do Pará, por meio da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Superior, Profissional e Tecnológica (Sectet) e da Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa (Fadesp), disponibiliza os recursos e coordena a implantação dos cursos em cada município, além de ser responsável pela realização da prova para o processo seletivo.  

“O Forma Pará é uma aposta do Governo, com a certeza de melhorar o nível de formação da nossa população, nós temos a capacidade de promover um processo de desenvolvimento mais acelerado e de qualidade. O curso de Gastronomia olha a vocação econômica, porque Salinas é um lugar que cada vez mais se transforma em polo turístico do Estado. O município recebe muita gente, não apenas do estado, como também de fora, então é um lugar que precisa oferecer conforto e qualidade de vida para a sua população”, destacou o titular da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Superior, Profissional e Tecnológica (Sectet), Carlos Maneschy.

 

Por Bruno Magno (CPH)