Banpará divulga ferramenta para consulta de beneficiários do Renda Pará

Basta o número de CPF e data de nascimento para o beneficiário descobrir se cadastro está ativo para receber auxílio do Governo do Estado

18/05/2021 18h07 - Atualizada em 18/05/2021 18h15

Mais uma novidade foi implementada para facilitar o acesso a informações dos programas do Governo estadual por parte do cidadão. Já está disponível, no site do Banpará, a aba 'Renda Pará', que possibilita a consulta de dados do programa virtualmente. Para tanto, basta que o beneficiário esteja com seu cadastro ativo e apto para recebimento do benefício, evitando assim, maiores transtornos e aglomerações nas agências bancárias. Para ter acesso às informações do sistema do Banpará, basta digitar alguns dados pessoais clicando aqui.

O programa de auxílio financeiro Renda Pará R$ 400 iniciou, nesta semana, o calendário de pagamento para novas categorias de trabalhadores autônomos, entre eles: catadores de recicláveis, feirantes, ambulantes e guardadores de veículos de vinte municípios do estado do Pará que enfrentaram lockdown ou medidas de restrição grave que afetaram a economia local.

A primeira parcela do benefício está sendo paga desde o início desta terça-feira (18), nas agências do Banpará. Para evitar aglomerações e filas nas agências, o calendário de pagamentos obedece ordem de acordo com a data de nascimento do beneficiário, fique atento:
 
18 de Maio - para nascidos em Janeiro, Fevereiro e Março;
19 de Maio - para nascidos em Abril, Maio e Junho;
20 de Maio - para nascidos em Julho, Agosto e Setembro; 
21 de Maio - para nascidos em Outubro, Novembro e Dezembro.

Já o programa Renda Pará R$ 500 realiza, a partir de hoje (18),  uma nova rodada de pagamentos aos aniversariantes do mês de dezembro.

Conforme as regras, o programa contempla as seguintes categorias profissionais: instalador de som em aparelhagens, DJ, assistente de palco, operador de áudio, técnico de iluminação e músico intérprete, na área cultural, e garçom, barbeiro, cabeleireiro, esteticista, maquiador, manicure/pedicure, guia de turismo e educador físico autônomo, na área de serviços.

“Trabalho sem carteira assinada como personal trainer e me inscrevi para receber os 500 Reais pois estava em uma situação delicada, então fui em uma agência e recebi sem problema e de forma rápida. Com certeza o dinheiro vem em uma boa hora”, disse a profissional Andrea Barbosa, beneficiária de um dos programas de auxílio do Governo.

O pacote de medidas econômicas do Governo do Pará destinou 500 milhões de reais para os programas sociais Renda Pará, Fundo Esperança e Incentiva + Pará, voltados para os trabalhadores e estabelecimentos comerciais que mais sofreram com os impactos financeiros negativos provocados pela pandemia ocasionada pela Covid-19.

“O equilíbrio das contas e a boa arrecadação possibilitaram que o Governo pudesse tomar as medidas necessárias para auxiliar quem, de fato, vive situação delicada por conta da pandemia”, afirma o Secretário Adjunto de Desenvolvimento Econômico, Carlos Ledo.

Por: Igor Fonseca (Ascom/Sedeme)

Por Governo do Pará (SECOM)