PM comemora 202 anos celebrando investimentos, avanços e bons resultados

Corporação ultrapassa dois séculos destacando resultados como a redução da criminalidade

25/09/2020 19h37 - Atualizada em 25/09/2020 19h50
Por Matheus Soares (PM)

Uma das mais antigas instituições públicas do Estado e a terceira corporação militar mais antiga do Brasil, a Polícia Militar do Pará completa, nesta sexta-feira (25), 202 anos de existência celebrando a diminuição dos índices de criminalidade no Estado com investimento em modernização de equipamentos, valorização da tropa e uma relação cada vez mais próxima com a sociedade paraense.

Criada em 1818, pelo capitão-general do Grão-Pará, António José de Sousa Manuel de Meneses, Conde de Vila Flor, a corporação comemora aniversário no dia 25 de setembro, em homenagem aos homens do 1º e 2º Corpo do Regimento Militar do Estado, que, comandados pelo coronel Sotero de Menezes e pelo tenente coronel Antonio Vieira da Fontoura, saíram vitoriosos na batalha e foram a primeira tropa a adentrar no arraial de Canudos.

A vitória conquistada em Canudos deu origem aos principais símbolos históricos e tradicionais da instituição, como a data de 25 de setembro, que foi sancionada por decreto como o Dia da PMPA, e, consequentemente escolhida para a comemoração de aniversário, bem como a letra presente na canção da Briosa de Fontoura, como é conhecida a instituição, desde as gerações mais antigas.

Modernização - Nos últimos dois anos, a PM passou por avanços significativos no aparelhamento - com a aquisição de viaturas, lanchas, armamentos, coletes balísticos, drones, computadores, resgate do uniforme tradicional, construção e restauração de prédios históricos - e na capacitação técnico-profissional, com os mais variados cursos, somados a recursos investidos nas melhorias das condições de vida e de trabalho da tropa, fortalecimento dos Fundos de Saúde e Assistência Social e a breve construção de conjuntos habitacionais exclusivos para militares.

Devido às restrições impostas pela pandemia do novo coronavírus, a data foi lembrada por meio de uma videoconferência, feita pelo comandante-geral, coronel José Dilson Melo de Souza Júnior, com a participação do governador Helder Barbalho, do secretário de Estado de Segurança Pública e Defesa Social, Ualame Machado, e dos coronéis da ativa, a fim de dividir com todos a satisfação dos êxitos alcançados.

Reconhecimento - Na ocasião, o governador parabenizou todos os integrantes da corporação pela passagem da data, importante para a história da bicentenária instituição, cuja trajetória se funde com a história do Pará. Agradeceu também pelo empenho e compromisso na redução dos índices de criminalidade, permitindo que o paraense possa novamente ter esperança por dias cada vez melhores por todo o Pará.

O secretário Ualame Machado afirmou que os investimentos continuarão ocorrendo, muito por causa dos resultados apresentados pela PM, junto com os outros órgãos que compõem a segurança pública. “Temos feito investimentos em diversos setores da PM, novos veículos, novos armamentos e coletes balísticos, computadores, drones, reforma e construção de quartéis na capital e no interior, além de capacitação para os policiais militares, e ficamos muito contentes em perceber que todo esse investimentos tem retornado na forma de bons serviços prestados para a sociedade paraense”, afirmou.

“Esta data é muito representativa na história da Polícia Militar. É uma honra muito grande ver que a corporação conseguiu ultrapassar 200 anos recebendo muitos investimentos, e, principalmente reconhecimento por parte do governo do Estado. Com o apoio da tropa conseguimos apresentar, ano a ano, excelentes resultados na diminuição nos índices dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI)”, disse o comandante-geral.

“Parabenizo a todos os integrantes da corporação pela passagem desta data e felicito os militares que foram promovidos e receberam condecorações em razão dos bons serviços prestados para a corporação. À família policial militar pedimos que continuem confiando nas ações do governo do Estado e segurança pública, pois aproveitamos para renovar nosso compromisso na busca de patamares mais altos para a nossa bicentenária Polícia Militar”, finalizou.