Estação das Docas e Parque do Utinga entram para campanha estadual contra criminalidade

Espaços receberam totens da personagem virtual do canal Disque Denúncia, a ‘Iara’ (Inteligência Artificial Rápida e Anônima)

25/09/2020 15h15
Por Beatriz Pastana (Pará 2000)

A Estação das Docas e o Parque Estadual do Utinga Camillo Vianna, administrados pela Organização Social Pará 2000, se uniram ao Governo do Estado do Pará e a Secretaria de Segurança Pública (Segup), na campanha de combate à violência contra a mulher. Os dois espaços já têm instalados os totens da  personagem virtual do canal Disque Denúncia, a ‘Iara’ (Inteligência Artificial Rápida e Anônima).

A Iara informa os canais 181 para chamadas convencionais, além do WhatsApp (91) 98115-9181, já  disponível aos cidadãos. Para utilizá-lo, basta adicioná-lo à lista de contatos e, em seguida, enviar a mensagem pelo aplicativo. 

“A ideia de fixar os totens na Estação das Docas e no Parque Estadual do Utinga é aproveitar o grande fluxo de pessoas que esses complexos turísticos atingem. Por meio da conscientização da população sobre a existência do serviço, todos saberão como realizar a denúncia de forma imediata”, destaca a delegada Márcia Contente, diretora do Disque Denúncia.

O serviço é um sistema completo de denúncia. Por meio do WhatsApp Iara, qualquer pessoa pode enviar informações em texto, áudio, fotos e vídeos, além de localização em tempo real. “O sistema permite ao cidadão participar da segurança pública e se ver envolvido no processo de garantia de segurança ao próximo, que é dever do Estado, mas obrigação de todos, conforme versa o artigo 144 da Constiuição Federal”, ressalta a diretora do Programa.

“Estamos muito satisfeitos em poder colaborar com essa campanha tão importante de combate à violência contra a mulher. Recebemos cerca de um milhão e meio de visitantes ao ano, então será de grande valor informar a essas pessoas sobre a existência desses canais de ajuda e denúncia”, destaca Antônio Sobrinho, diretor presidente da OS Pará 2000. 

As informações também podem fornecidas sobre crimes já ocorridos, para que possam ser solucionados, como recaptura de presos, venda de entorpecentes, localização de veículos roubados, entre outros. Ao fazer uma denúncia, a pessoa receberá um número de protocolo para acompanhar o andamento da demanda ou acrescentar informações.

O número (91) 98115-9181 Disque Denúncia é o WhatsApp oficial da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Segup), e é o primeiro do Brasil a garantir o anonimato e a segurança do denunciante.


CANAIS

Além da Iara, o cidadão pode ligar para o número 181, do Disque Denúncia, ou enviar as informações dos casos de agressão via formulário e chatbot (caixa de diálogo com a atendente virtual Iara), presentes no site da Segup. Todos os canais são sigilosos e anônimos.