Serviço público estadual fará retorno gradual ao trabalho presencial a partir de segunda (25)

Servidores que fazem parte do grupo de risco e pessoas com mais de 60 anos de idade seguirão em trabalho remoto

21/05/2020 13h41 - Atualizada em 21/05/2020 15h26
Por Louise Bandeira (SEPLAD)

Após mais de dois meses funcionando em regime de teletrabalho, de acordo com as recomendações estabelecidas no decreto estadual 609/2020, que determina medidas de combate à Covid-19 em todo o Pará, o governo do Estado inicia, a partir da próxima segunda-feira (25), a retomada gradual do serviço público presencial, com exceção daqueles que fazem parte do grupo de risco e pessoas com mais de 60 anos de idade, que seguirão em regime de trabalho remoto. Na área da educação, apenas o setor administrativo deverá retornar para as atividades. As aulas continuam suspensas.

O planejamento para o retorno dos servidores será colocado em prática pelos diretores e coordenadores dos órgãos estaduais a partir da próxima semana e visa promover a saúde individual e coletiva. O horário de expediente seguirá reduzido, com início às 8h e término às 14h.

“Estamos fazendo um planejamento para que os diretores e coordenadores voltem ao trabalho na segunda-feira que vem, após o fim do lockdown e que eles possam preparar os ambientes de trabalho para receber os demais servidores, com todas as medidas de proteção necessárias para que não ocorra nenhum risco de contaminação no ambiente de trabalho” - Hana Ghassan, secretária de Planejamento e Administração do Estado.

Áreas de convivência, como refeitórios e auditórios, permanecerão fechadas e o atendimento ao público deverá ter demarcado o posicionamento das pessoas nas filas, a fim de manter o distanciamento mínimo recomendado. Os gestores devem identificar os ambientes de trabalho considerados inadequados ao distanciamento e promover a troca dos mesmos ou revezamento de turnos, caso necessário. Outras medidas, como definição de novas limitações para a utilização de elevadores e proibição de aglomerações com mais de 10 pessoas em locais fechados, também serão tomadas. Além disso, viagens serão realizadas apenas por motivos essenciais.

Medidas de proteção

Os servidores públicos e colaboradores que voltarão ao trabalho deverão, obrigatoriamente, manter a distância mínima de 1,5 metro uns dos outros; usar máscaras de proteção e lavar as mãos constantemente. O Governo recomenda ainda que as pessoas usem a barba menor e os cabelos presos, bem como, levem ao trabalho apenas o necessário como, por exemplo, crachá, celular, carteira, álcool gel e chaves sem o chaveiro. O uso de adereços, como colares e brincos, não são recomendados. É importante ressaltar que os servidores devem estender as medidas de proteção para as suas residências, tomando todos os cuidados necessários para não colocar a saúde dos familiares em risco.

“Será obrigatório o uso de máscara para todos os servidores públicos do Estado, os espaços também deverão obedecer o distanciamento de 1,5 m entre os trabalhadores, além do cuidado redobrado com a higiene das pessoas e do ambiente de trabalho” - Hana Ghassan, titular da Seplad.

Os órgãos públicos irão promover campanhas para a conscientização e prevenção de contágio da Covid-19 para os servidores e colaboradores.

Cronograma de retorno:
25/05/2020 – Diretores e coordenadores 
01/06/2020 – Demais servidores (exceto grupos de risco e que tenham acima de 60 anos)
08/06/2020 – Atendimento ao público.