Concurso da PGE é um dos previstos pelo governo do Estado para 2020

Certame vai disponibilizar 24 vagas, além de Cadastro de Reserva

18/02/2020 09h59 - Atualizada em 18/02/2020 11h33
Por Barbara Brilhante (PGE)

O edital para a contratação da empresa que vai executar o concurso da Procuradoria-Geral do Estado (PGE) deve ser publicado ainda em março deste ano, no Diário Oficial do Estado. O certame disponibilizará 24 vagas, além de Cadastro de Reserva, que deverá suprir as necessidades emergenciais da área-meio da instituição.

“Hoje, temos apenas 61 servidores efetivos. Desde 2012, estamos pretendendo realizar novo certame, levando em consideração o crescimento e a descentralização das funções institucionais da Procuradoria. Este concurso será para o provimento de vagas permanentes, para o pessoal de apoio da instituição” - Paula Trindade, procuradora do Estado, responsável pelo levantamento das principais necessidades da PGE, no que diz respeito às áreas-meio.

As vagas previstas são para os cargos de Técnico de Procuradoria em Direito, que visam preencher as funções que, hoje, são ocupadas via Processo Seletivo Simplificado (PSS), cuja vigência segue até junho de 2020. A atuação dos técnicos é para dar suporte analítico às ações judiciais desenvolvidas pelo Núcleo Consultivo da Administração Direta (Nucad) e são voltados para profissionais de nível superior, da área de Direito.

A remuneração para cargos de nível superior da área-meio da Procuradoria é de R$ 1.799,15, além da gratificação de nível superior – de 80% em cima deste valor –, gratificação por desempenho e auxílio-alimentação.

O Cadastro de Reserva será para a expectativa de preenchimento de cargos de nível médio – da área de Assistente de Procuradoria –, e de nível superior – das áreas de Administração, Biblioteconomia, Ciências Contáveis, Informática, Matemática/Estatística/Economia e Técnico em Gestão.

A remuneração para cargos de nível médio é de R$ 1.257,30, além de auxílio-alimentação e gratificação por desempenho.

O último concurso da PGE foi realizado em 2006. “Desde o último concurso para cá, muitos servidores foram saindo ou por terem feito novos concursos ou por terem sido cedidos, e estas vagas precisam ser repostas. Fizemos um estudo e passamos para a Secretaria de Planejamento e Administração nossa demanda. Agora, o concurso já está com o processo em andamento”, destacou.