Ações do TerPaz são debatidas com técnicos municipais da assistência social

20/08/2019 17h38 - Atualizada em 20/08/2019 18h04
Por Rodrigo Sousa (SEASTER)

Para fortalecer o Sistema Único de Assistência (Suas) e qualificar trabalhadores e gestores, a Secretaria de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster) iniciou, na manhã desta terça-feira (20), a capacitação "Operadores do Suas", na Escola de Governança Pública do Estado do Pará (EGPA), em Belém. A iniciativa busca debater o atendimento adequado para pessoas em situação de vulnerabilidade social.

Diálogos e socialização das experiências dos servidores fazem parte da programação. O primeiro dia de treinamento contou com a participação de 49 técnicos municipais de Belém, Ananindeua, Marituba, Colares e Cachoeira do Arari, que debateram a atual política de assistência social, além de assuntos relacionados ao programa Territórios pela Paz, como territórios, vulnerabilidades e cidadania.

A psicóloga da Seaster, Feliciana Ueyawa, diz que a oficina tem como discussão as diversas formas de vulnerabilidade nos bairros. “Temos dado prioridade aos territórios onde estão ocorrendo as ações do programa TerPaz, considerando o índice de vulnerabilidade social que esses locais vêm registrando. Sendo assim, a capacitação tem como um dos focos a realidade detalhada desses bairros”, afirma.

O projeto "Operadores do Suas" segue uma agenda contínua desde 2017 e já promoveu capacitações para técnicos e servidores municipais em todas as regiões do Estado. A programação segue até a próxima quinta-feira (22), de 8h às 17h, na EGPA, localizada na avenida José Malcher, 900.

*Colaboração: Thomaz Oliveira