Conceição do Araguaia integra a rota nacional do turismo no Brasil

25/07/2019 12h17 - Atualizada em 15/08/2019 14h45
Por Larissa Noguchi (SECOM)

Durante os meses do Verão no Pará (de julho a outubro), as praias de Conceição do Araguaia são as mais visitadas da região sul do Pará. Ao todo, são mais de 20 praias que se formam na seca do Rio Araguaia entre os estados do Pará e Tocantins. Por conta do grande movimento na sede do município, Conceição do Araguaia está entre as rotas oficiais do Ministério do Turismo, o que incentiva a economia local e impulsiona o movimento de turistas, que vem aumentando em relação a 2018.

Esse programa - que Conceição do Araguaia foi incluída, é uma grande conquista para a região, pois auxilia na valorização do turismo, além de incentivar a economia local e qualificar os pequenos e grandes empreendedores através do Cadastur que é o sistema para o cadastro dos prestadores de serviços turísticos executado pelo Ministério do Turismo, em parceria com os órgãos oficiais de turismo nos 26 estados e no Distrito Federal.

Segundo o secretário Municipal de Turismo, Fausto Barros, já se pode sentir o aumento de visitantes ao município. Em 2019, antes mesmo do término do mês de julho, mais de 300 mil visitantes já estiveram em Conceição. "Vem gente do Tocantins, Goiás, de todo canto do Brasil. Estimamos 300 mil pessoas para o mês todo, mas esse número já foi superado. Só no primeiro final de semana do mês das férias escolares, geralmente o mais tranquilo, foram mais de 60 mil pessoas que passaram por aqui. Por isso investimos cada vez mais em estrutura para o turista", ressaltou.

A Praia da Gaivota, que fica na região central da cidade, é a mais procurada. Este também é o período do ano em que os comerciantes mais faturam com a venda de comidas, bebidas e acessórios para o verão. Entre os vendedores, Marly de Almeida se destaca. Ela veio de Araguaína, no Tocantins, e acampou na praia pra aproveitar o movimento ganhar uma renda extra. "Esse é o segundo ano que venho para cá. Apesar de não ter nascido aqui, sou apaixonada por Conceição do Araguaia. Por isso, venho trabalhar e me divertir", contou.

Tranquilidade e contato com a natureza - De julho a outubro, as praias da região são perfeitas para banhos relaxantes. O leito do Rio Araguaia está mais baixo neste período e surgem as praias de rio, com águas cristalinas e tranquilas. Nas margens, é a oportunidade de alugar um acampamento, que tem estrutura com barraca de praia bem grande, banheiro, captação de água do próprio rio e até energia elétrica.

"Eu aproveitei o mês de julho todo. A vantagem do acampamento é ter um espaço mais tranquilo e reservado para a família. Tomamos banho o dia todo e fazemos nosso almoço. O difícil é ter que ir embora para casa", disse Joana Fernandes, que mora em Parauapebas (município do sudeste paraense) e passa férias em Conceição do Araguaia.

Quem aluga o acampamento tem que respeitar as leis ambientais, que proíbem jogar lixo na praia. Muitas barracas são de moradores da região, que recebem amigos ou são alugadas nos finais de semana e na temporada de verão. Segundo Bethânia Lima, funcionária pública, "é trabalhoso e cansativo, mas vale muito a pena. A gente monta isso aqui para receber familiares e amigos. Para quem mora na cidade e para quem vem de fora. Tem que ir na Secretaria de Meio Ambiente pedir a licença e seguir as regras".

Para visitar as praias próximas basta pegar uma lancha na Praia da Gaivota e aproveitar as praias da Ilha do Pão, Ilha do Seresteiro e do Caldeirão e não esquecer de levar tudo o que for necessário para passar um dia inteiro, pois não há, nessas comunidades, barracas com venda de comidas e bebidas.

"A gente vem pra cá e fica à vontade, sossegados e tranquilos na praia. Agora, tem que trazer tudo de casa, churrasqueira, rede ... ", disse o motorista Silvino da Paz, morador do município.

Desde o início de julho a segurança foi reforçada no município para garantir mais tranquilidade aos visitantes. Na entrada da Praia da Gaivota, agentes da Polícia Rodoviária Estadual orientam os motoristas. A Polícia Militar aumentou o efetivo para 150 homens, todos mobilizadas nas rondas pela sede municipal e regiões próximas, o que garante a total segurança para quem procura Conceição.

Conheça mais sobre Conceição do Araguaia

Como chegar - Saindo de Belém de carro, quem quiser ir a Conceição do Araguaia pode pegar a estrada pela PA-475, acessar a rota via Barcarena. A outra opção é pela BR-010, passando pelos estados do Maranhão e Tocantins. 

A maneira mais barata para chegar a cidade é de ônibus. Partindo do Terminal Rodoviário de Belém, a viagem, que percorre 992.6 quilômetros, dura quase 16 horas e custa, em média R$ 200.

O transporte entre as praias e ilhas da região é feito por meio de lanchas. Na praia da Gaivota existe um ponto onde é possível pegar lanchas a qualquer hora. A travessia custa em média R$ 10, mas varia de acordo com a distância. A dica é negociar essa passagem e também combinar previamente o horário de ida e volta para reduzir os custos.

Hospedagem - A cidade tem hotéis com tarifas variadas, no verão a sugestão é acampar na praia caso não consiga hospedagem em hotel. É muito comum famílias inteiras montarem suas barracas nas praias. Já os acampamentos nas ilhas são alugado por diária e também por semana, o que é uma boa pedida para os mais aventureiros. Os preços variam entre R$150 (diária) e R$1 mil (por temporada). A negociação com os donos dos acampamentos é livre. As acomodações vão de simples as mais bem aconchegantes , que possuem redes para passar a noite.