Candidatos ao concurso da Marinha fazem prova no Mangueirão

28/05/2019 14h47 - Atualizada em 02/06/2019 20h06
Por Redação - Agência PA (SECOM)

O Estádio Olímpico do Pará, o Mangueirão, na Região Metropolitana de Belém, recebeu nesta terça-feira (28), a prova escrita do Concurso de Admissão ao Curso de Formação de Soldados Fuzileiros Navais, para 1.050 candidatos inscritos no estado do Pará.

De acordo com o sub-oficial Gilber, encarregado de Concursos do Comando do 2° Batalhão de Operações Ribeirinhas, a escolha do local se deve à estrutura oferecida pelo estádio. “O Mangueirão apresenta todos os quesitos que atendem às necessidades do certame, com excelente estrutura, comodidade, fácil acesso e segurança para os candidatos, além da grande parceria que o governo estadual tem com a Marinha”, informou.

A prova de exame de escolaridade, contendo 50 questões de múltipla escolha, iniciou às 10h e encerrou às 13h (horário de Brasília). Segundo a organização do certame, houve 300 faltosos. O concurso, que tem outras etapas, é realizado em todo o Brasil.

O diretor do Estádio Olímpico, Adélio Mendes, destaca a funcionalidade do Mangueirão em receber não somente eventos esportivos, mas outros como o da etapa escrita de seleção da Marinha. “O estádio está preparado para receber diversos eventos, não apenas os de natureza esportiva. A estrutura oferece condições para realização de concursos, como este para fuzileiros navais, justamente pela capacidade em receber uma quantidade expressiva de candidatos”, ressaltou.

A gestão do Mangueirão é de responsabilidade da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel). O estádio foi inaugurado em 1978 e depois reinaugurado em maio de 2002. Atualmente, a capacidade é para 45.007 pessoas. Estão em execução obras de reforma e adequação para tornar o estádio um espaço multiuso, inclusive, com a implantação de um auditório.