Polícia Militar inicia II Curso de Operações Fluviais

23/01/2015 12h40
Por Redação - Agência PA (SECOM)

A Polícia Militar do Pará iniciou nesta quarta-feira, 21, o II Curso de Operações Fluviais – edição 2015, destinado à capacitação de 59 alunos profissionais para as ações de segurança nas águas brasileiras. A aula inaugural foi ministrada no auditório do Batalhão de Polícia de Choque. O curso tem sido bastante procurado por profisisonais de outros estados por trabalhar uma concepção de segurança integrada, que envolve, no Pará, a parceria de órgãos como o Grupamento Aéreo de Segurança Pública (GRAESP), Grupamento Marítimo Fluvial do Corpo de Bombeiros Militar (GMAF) e a Capitania dos Portos.

Desenvolvido pela Diretoria de Ensino e Instrução e coordenado pela Companhia Independente de Polícia Fluvial da Polícia Militar, o curso está na segunda edição e conta com a participação de alunos dos estados do Pará, Amapá e Mato Grosso, além de integrantes da Marinha do Brasil, entre eles homens do Grupamento de Fuzileiros Navais de Belém e da Guarda Municipal da capital. 

O efetivo discente da PM é oriundo dos comandos de policiamento de Santarém, Redenção, Abaetetuba e Capanema; dos Comandos de Missões Especiais, de Policiamento da Capital e da Região Metropolitana. A grade curricular traz 26 disciplinas que abordam diferentes campos de conhecimento no contexto da segurança fluvial, como patrulhamento, condução e tripulação de embarcações, operações aéreas transportadas, tiro embarcado e mergulho autônomo. O curso garante ao concluinte a habilitação como piloto de embarcação e a especialização em planejamento, condução e execução de operações fluviais.

Durante a aula inaugural, ministrada pelo diretor de Ensino e Instrução da Polícia Militar, coronel Arthur Moraes, antecipou que novos cursos operacionais já estão sendo programados para este ano, voltados à capacitação e à valorização do efetivo.

Presente à solenidade, o coronel Leão Braga, comandante de Missões Especiais da PMPA, ao qual está vinculada a Companhia Independente de Polícia Fluvial (CIPFLU), destacou que quase 100% do efetivo da unidade já passou por capacitação, o que permite ações mais eficazes.

A solenidade contou com representantes da Capitania dos Portos, Grupamento de Fuzileiros Navais de Belém, Centro de Instrução Almirante Braz de Aguiar (Ciaba), Guarda Municipal de Belém, Grupamento de Polícia Fluvial da Segup, além dos comandantes do Batalhão Tático, Batalhão de Choque, 2º Batalhão PM, Regimento de Polícia Montada e da Diretoria de Polícia Comunitária da corporação.