Escola de Governança certifica secretários escolares

26/03/2018 00h00
Por Redação - Agência PA (SECOM)

Sessenta e seis alunos da terceira e quarta turmas do curso Técnico em Secretaria Escolar foram certificados na manhã desta segunda-feira, em Belém. A formação foi oferecida pelo Governo do Estado, por meio do Instituto de Formação Profissional e Superior (Iseg) e da Escola de Governança Pública do Estado (EGPA).

A cerimônia ocorreu no auditório da autarquia e contou com a presença da secretária de estado de administração, Alice Viana, que representou o governador Simão Jatene.

O curso prepara servidores para suprir as demandas nas unidades escolares, desta forma atendendo as exigências legais pertinentes à função. O diretor geral da EGPA, Ruy Martini destacou a importância histórica da formação. “Na condição de instituto de ensino superior, quando mantivemos contato com o Conselho Estadual de Educação (CEE), esta foi uma demanda pontuada com importância, já que o estado apresenta uma demanda para atendimento de cerca de oito mil servidores que precisam deste curso”, disse.

Os avanços na formação foram destacados por Ruy Martini, como o andamento, junto ao CEE, para que o curso tome a modalidade EaD e as providências seguem no sentido de que a formação assuma o nível de graduação. “Muito além de suas funções, o secretário escolar faz parte da gestão maior da escola, tratando com os alunos, pais e professores da unidade escolar. Hoje a sociedade ganha profissionais com melhor qualificação para atender a nossa rede estadual de ensino, o que representa um grande desafio”, destacou.

A titular da Sead, Alice Viana parabenizou os concluintes e frisou a importância do curso para a gestão do estado. “Esta formação nos orgulha e se destaca como parte de um planejamento exitoso do governo do Estado. É fundamental o aprendizado constante, para que posamos trazer novos conhecimentos que contribuam para alinhar ações com resultados positivos aos programas e ações de gestão do governo”, comentou.

“O foco da Escola de Governança está no olhar para a gestão sempre com melhorias, com avanços e novas ferramentas de ensino e aprendizado”, elogiou o diretor de Desenvolvimento de Pessoas, da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), Carlos Alberto Pinheiro. Ele acrescentou que o conteúdo abordado na formação é tratado com aprofundamento e eficácia pela coordenação e corpo docente da autarquia.

Importância

Para a concluinte Vera Lúcia Ferreira, que atua há 18 anos na Escola Municipal Palmeira Lins de Carvalho, no bairro da Marambaia, a formação permitiu tomar conhecimento sobre a importância do papel do secretário escolar. “A gente pensa saber tudo, mas aqui tive a oportunidade de saber o que é o correto e levar este conhecimento a todo o corpo funcional da minha escola. Foram 18 meses de lições ricas”, concluiu.

O curso tem duração de 1.350 horas (ou três semestres), divididas em 1.200 horas em disciplinas e 150 horas de estágio supervisionado.