Graesp realiza nova etapa de distribuição das vacinas contra a Covid

22/07/2021 18h47 - Atualizada em 22/07/2021 19h44

Na tarde desta quinta-feira (22), será realizada mais uma distribuição de remessas com doses das vacinas em combate a Covid-19 para o interior do Estado, com o apoio do Grupamento Aéreo de Segurança Pública (Graesp). A logística de deslocamento dos imunizantes é feita por meio de uma ação conjunta entre as secretarias de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup) e de Saúde Pública do Estado (Sespa).

As vacinas serão entregues nas regionais dos municípios de Cametá, nordeste paraense, e do arquipélago do Marajó, de onde seguem para atender as unidades de saúde das localidades próximas as regionais. No total, 9.195 doses com os imunizantes serão deslocados até as cidades de Cametá, Afuá e Chaves.  

“O trabalho integrado entre a Sespa e a Segup está sendo fundamental para que o Pará avance na vacinação contra a Covid-19, pois a distribuição precisa ser rápida, especialmente para atender as populações mais distantes. A cada remessa que chega ao Estado, o Pará consegue alcançar mais públicos e isso é fundamental na nossa estratégia de combate a pandemia”, falou o secretário de saúde do Estado, Rômulo Rodovalho.

Duas aeronaves, sendo um helicóptero e um avião estão sendo empregadas para realizar o deslocamento das remessas com as vacinas. A atuação do Graesp nos últimos meses, vem se destacando também, não apenas pelas operações e missões policiais de combate a criminalidade, mas principalmente, por levarem esperança e saúde à população que mora nos interiores mais distantes da Capital.

“Nossa equipe vem se reversando entre as operações policiais que o Grupamento está envolvido, especialmente neste período com a operação verão acontecendo em todo o Estado, mas principalmente, para atender a população com as vacinas contra a Covid-19 tão importantes para garantir a saúde e a imunização de todos, de forma rápida. Assim que a Sespa nos entrega os lotes com as programações para os municípios, elaboramos a rota e realizamos tudo em menos de 24h”, disse o diretor do Grupamento Aéreo, o coronel Armando Gonçalves.

Localidades – As rotas de voo para a distribuição das remessas contendo os imunizantes estão sendo deslocadas também, por meio terrestre e fluvial, este último conta com o apoio das embarcações do Grupamento Fluvial de Segurança (Gflu). A distribuição conta também com o apoio das polícias Civil e Militar para fazer a segurança dos lotes até as localidades determinadas.

Por Walena Lopes (SEGUP)