Ação integrada orienta motoristas e pedestres sobre mudança de parada de ônibus na BR-316

25/09/2020 17h49
Por Michelle Daniel (NGTM)

Por conta do avanço das obras da Nova BR, executadas pelo Governo do Pará por meio do Núcleo de Gerenciamento de Transporte Metropolitano (NGTM), que entrará em nova etapa com o início da construção de estação de passageiros com passarela nos primeiros metros da rodovia BR-316, a parada de ônibus localizada em frente ao shopping center sentido Belém-Ananindeua, será transferida para a frente da Galeria BR.

“Essa mudança é de fundamental importância para o avanço das obras. Teremos tapumes no local e, para a segurança de todos que transitam pelo trecho, a parada precisou ser alterada, evitando assim, mais transtornos”, diz o engenheiro Eduardo Ribeiro, diretor-geral do NGTM.

Durante toda esta sexta-feira (25), equipes do Departamento de Trânsito do Estado (Detran/PA) e da Agência de Regulação de Serviços Públicos do Estado do Pará (Arcon-PA), realizaram uma ação educativa junto a motoristas e pedestres a respeito da mudança que também visa o ordenamento do trânsito na área e a segurança de todos que transitam no local.

O novo ponto de parada de ônibus, em frente à Galeria BR, terá três abrigos de estruturas metálicas, assentos e área dedicada às pessoas com deficiência. A parada será de uso de ônibus que circulam pela Região Metropolitana de Belém (RMB). De acordo com Ivan Bernaldo, diretor de fiscalização da Arcon-PA, as equipes de fiscalização estarão nessas primeiras semanas de realocação da parada, “com o objetivo de informar a população e conscientizar a todos para a mudança, contribuindo para o  bom andamento dos trabalhos na rodovia”.

A fiscalização dos órgãos competentes será realizada constantemente. Após o início dos serviços, os motoristas que desobedecerem as regras poderão ser autuados com multa e pontuação grave na CNH. “Estamos com orientação quanto à mudança da parada para usuários e motoristas, principalmente do transporte coletivo e intermunicipal, no sentido de ter essa organização do tráfego de veículos e evitar, principalmente, acidentes”, explica Ivan Feitosa, coordenador de operações do Detran. “Se identificarmos que não há obediência por parte dos motoristas, vamos passar a fazer a notificação. A infração é enquadrada por parar na faixa de rolamento na rodovia, com multa e pontos na carteira, considerado infração grave”, acrescenta Feitosa.

Para o ambulante João Levi da Paz, “se tiver fiscalização, o trânsito vai melhorar”. “E com a instalação dos abrigos também, pois hoje, as pessoas não têm onde ficar quando chove e quando faz muito sol”, comenta. A dona de casa Maria de Lourdes Costa, de 57 anos, aposta que a alteração contribuirá para a organização do trânsito. “Aqui nunca teve uma ação como essa. Os ônibus não obedeciam as paradas corretas. Era uma confusão. Espero que isso mude mesmo”, acrescenta.

Para a alteração da parada de ônibus no KM-01 da rodovia, o Governo e entidades do transporte alternativo trataram sobre mudanças na BR-316, já que a alteração que afeta de imediato a categoria, tendo em vista que no trecho o fluxo de usuários do transporte alternativo é intenso, daí a necessidade de dialogar com representantes da categoria para que houvesse compreensão e parceria para minimizar os transtornos.