BPA inicia o II Curso de Formação de Educadores Ambientais da Amazônia

04/11/2019 17h34 - Atualizada em 04/11/2019 18h59
Por Taiane Figueiredo (PM)

Os policiais militares são capacitados para ações de educação ambiental com crianças, jovens e adultosPara capacitar policiais militares a desenvolver ações de educação ambiental com crianças, jovens e adultos, o Batalhão de Polícia Ambiental (BPA), da Polícia Militar do Pará, já iniciou o II Curso de Formação de Educadores Ambientais da Amazônia (II Cfeam). A aula inaugural ocorreu no auditório Setorial Profissional da Universidade Federal do Pará (UFPA), no Bairro do Guamá, em Belém, na manhã desta segunda-feira (4).

O II Curso de Formação é uma parceria entre o BPA, a UFPA, a Secretaria de Estado de Educação (Seduc) e outras unidades da Polícia Militar. A capacitação prevê a formação de 40 novos educadores ambientais, entre policiais do Comando de Policiamento Ambiental (CPA) e de outras unidades. 

Os profissionais aprovados ao final do curso atenderão às necessidades do CPA e às solicitações das instituições públicas e privadas de ensino, e também farão parte de um projeto social pioneiro, denominado “BPA vai às escolas”, a ser implantado em 2020. O projeto consistirá na aplicabilidade dessas ações, de maneira contínua, em escolas públicas do Estado.Os participantes do curso estarão no projeto pioneiro “BPA vai às escolas”

As vagas foram disponibilizadas para o Comando de Policiamento Ambiental, Batalhão de Polícia Ambiental, Companhia Independente de Polícia Fluvial, 1ª Companhia Independente de Polícia Ambiental – em Santarém, Companhia Independente de Policiamento Escolar e Batalhão Ambiental da Polícia Militar do Estado do Amapá.

A abertura do curso foi presidida pelo chefe do Estado-Maior da Polícia Militar, coronel Marcelo Ronald Botelho de Souza, que acompanhou o comandante do BPA, tenente-coronel Mário Jorge Zagalo Monteiro. Na aula inaugural, a professora Maria Ludetana de Araújo ministrou a palestra “Educação Ambiental e suas Potencialidades”.

As vagas foram oferecidas a unidades de policiamento do Pará e Amapá