Cosanpa realiza ação educativa em escolas públicas de Castanhal

25/09/2019 16h24 - Atualizada em 25/09/2019 16h44
Por Tayná Horiguchi (COSANPA)

Manter a torneira fechada enquanto escova os dentes é uma prática de consumo consciente e um exercício diário de quem está atento à preservação do meio ambiente. Estimular essa atitude é uma das missões da Companhia de Saneamento do Pará, que social levou um cirurgião-dentista até as Escolas de Ensino Fundamental e Médio Paulo César Coutinho Rodrigues e Maria das Mercês Conor, em Castanhal, para uma ação educativa.

A atividade faz parte do programa social desenvolvido pela Cosanpa em áreas onde obras estão em andamento. Desta vez,  o convidado para dar orientações aos estudantes foi o profissional Wallace Barros, responsável pela palestra “Higiene Pessoal e Qualidade de Vida”, que contou com a participação de 82 alunos.

“Primeiramente eu quero agradecer à Cosanpa, que trouxe os profissionais para falar um pouco sobre a qualidade de vida e higiene pessoal, que é muito importante para todos, e também agradecer o Dr. Wallace, que veio nos ajudar sobre a higiene que devemos ter, achei muito importante”, disse uma das estudantes.

Matheus Silva prestou atenção às recomendações para a higienização correta dos dentes e ainda teve a oportunidade de aprender sobre as consequências do uso irregular da água e da falta de cuidados com o meio ambiente.

“Essa palestra ajudou muito na minha saúde bucal e no meu cotidiano, me mostrou a forma correta de escovar os dentes e falou também sobre os tipos de doenças que podem ser adquiridas caso não façamos a limpeza corretamente. Gostei muito da parte da palestra que a equipe da Cosanpa fez falando sobre o consumo consciente da água, que a gente não deve desperdiçar e nem jogar lixo nas ruas, porque pode ir para os rios e prejudicar os animais”, explicou o aluno.

Investimento – As ações educativas e sociais estão sendo realizadas pela Cosanpa em Castanhal porque a Companhia está ampliando o sistema de abastecimento de água. A ação social é fundamental para que os moradores entendam a importância daquela obra, do consumo consciente da água e do uso correto da rede de esgoto. Por exemplo, não desperdiçar água ou despejar lixo na rede de esgoto.

Os investimentos na ordem de R$ 104 milhões vão beneficiar moradores de pelo menos sete bairros, entre eles, Jarderlândia, Bom Jesus, Imperador e Centro, ampliando o abastecimento, melhorando a qualidade da água e de vida da população.