Pautas


Projeto Meu Endereço capacita agentes nos bairros do TerPaz

Por Jeniffer Galvão (SECTET)
Abertura: 07/11/2019 08h30
Encerramento: 07/11/2019 09h30
Local: Escola Estadual José Valente Ribeiro
Endereço: Estrada do Benjamin, no bairro Cabanagem, Belém
Contatos: Jeniffer Galvão: 98232-6828

A Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet) e a Universidade Federal do Pará (UFPA) realizam, nestas quinta e sexta (7 e 8), o primeiro módulo do Curso de Capacitação de Supervisores e Agentes de Cadastramento, do projeto "Meu Endereço: lugar de paz e segurança social".

O evento acontecerá na Escola Estadual José Valente Ribeiro, localizada na Estrada do Benjamin, no bairro Cabanagem, em Belém, e terá a participação do titular da Sectet, Carlos Maneschy, que fará a aula inaugural. Participarão também  a presidente da Comissão de Regularização Fundiária da UFPA, Marlene Alvino e a coordenadora do "Meu Endereço", Myrian Cardoso.

TerPaz - O projeto integra as ações de segurança pública e cidadania do Governo  do Pará, por meio do Territórios pela Paz (TerPaz), um amplo esforço para a diminuição da vulnerabilidade social e o enfrentamento das dinâmicas da violência, baseado na articulação de ações de segurança pública e ações de cidadania nos bairros Guamá, Jurunas, Terra Firme, Benguí e Cabanagem, em Belém; Icuí, em Ananindeua; e Nova União/São Francisco, em Marituba.

Na Cabanagem serão capacitados os primeiros supervisores e agentes de cadastramento dos bairros Icuí, Benguí e Nova União/São Francisco, totalizando 12 participantes.  O treinamento é composto por seis módulos e terá aulas teóricas e práticas durante seis meses. Todos receberão certificados.

Prática - No dia 8 de novembro, entre 9 e 10 horas, ocorrerá uma reunião com as equipes do Projeto Meu Endereço, os membros da Sectet, os supervisores e os agentes selecionados. Estes participantes definirão uma rota de visita pelas ruas do bairro Cabanagem.  Logo em seguida será realizada a visita de campo para selecionar as casas dos moradores e fazer o levantamento das medidas do lote e da edificação, o nome da rua, o número da casa, entre outras informações.

Todas as informações levantadas serão sistematizadas e cada morador receberá o “kit Meu Endereço”, composto de planta de localização do imóvel, planta de limite de lote, laudo de condições socioambientais da moradia, laudo de avaliação do imóvel e guia de encaminhamento aos programas sociais.  Esse conjunto de documentos visa auxiliar e direcionar os moradores aos serviços, financiamentos, políticas públicas, ofertados pelo pode público.