Candidatos concorrem a mais 190 vagas do Forma Pará no próximo domingo (15)

Estudantes irão disputar uma chance de ingresso no ensino superior em cinco municípios do estado

11/05/2022 11h15 - Atualizada em 11/05/2022 11h43

No próximo domingo (15) será realizada a prova do processo seletivo especial destinada a preencher mais 190 vagas de cursos de nível superior em cinco municípios do estado por meio da chamada 2022 do "Forma Pará". Programa do governo estadual, coordenado pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Superior, Profissional e Tecnológica (Sectet), o "Forma Pará" conta com a parceria das Prefeituras Municipais e das Instituições de Ensino Superior (IES) para ser realizado.

Dessa vez, os candidatos concorrem às vagas nos cursos que serão executados pela Universidade do Federal do Pará (UFPA), que são: Sistema de Informação, em Oeiras do Pará (30 vagas); Geoprocessamento, no distrito de Outeiro (40 vagas); História, em Curralinho (40 vagas); Letras – Língua Inglesa, em Viseu (40 vagas); e Agronomia, em Pacajá (40 vagas).

A Prova de Conhecimentos (parte objetiva) será composta de 32 questões, de múltipla escolha, com cinco alternativas cada, para que o candidato escolha apenas uma delas. Tal prova será constituída de quatro questões de cada uma das seguintes disciplinas: Língua Portuguesa, Matemática, História, Geografia, Física, Química, Biologia e Literatura. Já a prova de Redação em Língua Portuguesa valerá 10 pontos e consistirá na elaboração de texto em que serão avaliados os seguintes aspectos: fidelidade ao tema, objetividade, coesão, coerência, progressão discursiva e aderência à norma culta. 

De acordo com o edital publicado pela Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa (Fadesp), organizadora do processo, candidatos que tenham cursado pelo menos um dos anos, ou estejam cursando o último ano do ensino médio no município/distrito em que o curso está sendo ofertado, ou que resida no município/distrito no qual o curso será ofertado há pelo menos um ano, a contar da data de publicação dos editais, terá um bônus de 10% na nota da prova objetiva.

Outras instituições

No dia 1º de maio, estudantes de 24 municípios também realizaram a prova do processo seletivo especial que visa preencher 1.210 vagas ofertadas pelo "Forma Pará". Na ocasião, as vagas eram referentes aos cursos a serem executados por outras quatro IES públicas. Pela Universidade do Estado do Pará (Uepa), foram ofertadas 400 vagas nos cursos de Bacharelado em Fisioterapia, em Conceição do Araguaia; Bacharelado em Enfermagem, em Bom Jesus do Tocantins, em Rio Maria, em São Sebastião da Boa Vista e em Bragança; Licenciatura em Pedagogia em Marituba e em Santo Antônio do Tauá; Licenciatura em Letras – Libras, em Marituba. Cada um deles com 50 vagas.

Por meio da Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra), foram ofertadas 500 vagas nos seguintes cursos e municípios, sendo 50 vagas em cada: Agronomia em Jacundá, Baião, Augusto Correa, Igarapé Açu, Xinguara, Limoeiro do Ajuru e Santana do Araguaia; Engenharia Florestal em Pacajá; Zootecnia em Vitória do Xingu; e Medicina Veterinária em Portel.

Já pela Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa), a chamada 2022 do "Forma Pará" ofertou 210 vagas nestes cursos e municípios: Arquitetura  e Urbanismo em Redenção e Canaã dos Carajás (40 vagas); Geologia em Rondon do Pará (40 vagas); Medicina Veterinária em São Félix do Xingu (40 vagas); e Pedagogia em Tucuruí (50 vagas). E pela Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa) foram 100 vagas com 50 alunos em cada turma do curso de Direito, em Alenquer, e Licenciatura em História, em Óbidos. O resultado definitivo deste processo está previsto para sair no dia 7 de junho.

No dia 29 de maio, ocorre a prova do processo seletivo que vai preencher as 150 vagas dos cursos que serão executados pelo Instituto Federal do Pará (IFPA). Os cursos ofertados são Tecnologia em Agroecologia, em Moju; Bacharelado em Agronomia, em Santa Maria das Barreiras; e Engenharia de Pesca, em Breu Branco. Cada um deles com 50 vagas.

Universalização

No dia 7 de março, o governador Helder Barbalho anunciou que, até o meio deste ano, o "Forma Pará" estará presente em todos os 144 municípios do estado, o que significa a universalização do Programa, contando com os municípios já contemplados nas chamadas de 2019, 2020 e 2021. Em outubro do ano passado, o "Forma Pará" virou lei, o que permite a sua continuidade ao longo dos anos. Além disso, o Programa agora está apto a ofertar cursos de pós-graduação (especialização, mestrado, doutorado e pós-doutorado).

Por Fernanda Graim (SECTET)