PGE inicia elaboração de planejamento estratégico para otimizar serviços ofertados pela instituição

05/05/2022 18h47 - Atualizada em 05/05/2022 18h52

O Núcleo de Planejamento (Nuplan) e a Coordenação Administrativa da Procuradoria-Geral do Estado (PGE) iniciaram, nesta quinta-feira (05), a elaboração do primeiro Plano de Gestão Estratégica do órgão, após aprovação do projeto por membros do Conselho Gestor do Fundo Especial da Procuradoria e por chefias de todos os setores da instituição, na manhã de quarta-feira (04). A previsão é que o plano seja concluído até o final de 2022.

“A ideia é fazer um planejamento para que as próximas administrações tenham um norte, uma bússola para a gestão da casa. E a expectativa é que isso seja feito de maneira coletiva, por meio de uma série de reuniões, para que seja construído coletivamente e sirva de instrumento para evitar gerar prejuízos estratégicos e a perda de um legado”, explicou o procurador-geral do Estado, Ricardo Sefer.

O plano vai elencar os projetos prioritários a melhorias destinadas aos servidores da PGE, ao método de trabalho e à sociedade como um todo, para serem executados nos próximos anos, a partir de 2023.

“Então, nos próximos meses, vamos mobilizar todos que trabalham na PGE para traçar metas e definir projetos prioritários. O planejamento estratégico será construído coletivamente e de maneira dinâmica. Nosso foco é pensar a instituição para além do curto prazo e alcançar a gestão por resultados a partir do monitoramento contínuo de metas e indicadores nos próximos cinco anos”, complementou Iêda Fernandes, coordenadora do Nuplan.

Ainda de acordo com a coordenadora, já estão sendo feitos os levantamentos necessários, incluindo a formação de um grupo de trabalho para a elaboração do plano, o levantamento de ideias e o diagnóstico do ambiente. O trabalho terá a parceria de consultores do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

Por Barbara Brilhante (PGE)