População de Vigia de Nazaré recebe serviços da Policlínica Itinerante durante dois dias

Com demanda espontânea, a equipe de profissionais da Poli vai atender pessoas com síndromes gripais das 8 às 16 h

25/01/2022 20h41 - Atualizada em 25/01/2022 22h44

A Policlínica Itinerante chega ao município de Vigia de Nazaré, no nordeste paraense, nesta quarta-feira (26), e prossegue na quinta (27). A iniciativa do Governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), além dos atendimentos médicos à população com sintomas gripais leves e moderados, inclui a testagem para Covid-19. A ação será das 8 às 16 h, na Escola Municipal Teodoro Rodrigues, na Rua Marcionildo Alves, na Praça Olavo Raiol.

Para o secretário de Estado de Saúde Pública, Rômulo Rodovalho, a Poli Itinerante é uma das estratégias do governo do Estado para o enfrentamento à pandemia. “Além de garantir o acesso ao atendimento médico, estamos descentralizando da capital as ações do Governo que garantem o combate à Covid-19. Na ação, os usuários fazem os testes, e se forem positivados passam por uma nova avaliação e são receitados, para fazer o isolamento e o tratamento em casa”, informou o titular da Sespa.Estratégia do governo do Estado, a Poli Itinerante visa conter a disseminação do coronavírus

O paciente que testar negativo para Covid-19, mas estiver com síndrome gripal, também terá atendimento médico assegurado para tratar os sintomas. Em ambos os casos, os usuários receberão a prescrição médica adequada para o quadro clínico apresentado.

A demanda de atendimento é espontânea. O usuário precisa, apenas, levar um documento de identificação oficial e o comprovante de residência para fazer o cadastro. Caso apresente sintomas mais severos da doença, como falta de ar, a recomendação é que busque imediatamente atendimento nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e prontos socorros municipais.

Balanço - Nos últimos dois dias (24 e 25), a ação esteve no município de São Caetano de Odivelas, também no nordeste paraense. Em São caetano foram feitos 528 atendimentos. Todos foram testados, com 51% de resultados não reagentes ao coronavírus.A testagem para Covid-19 é descentralizada pela Poli Itinerante

Para Liliam Gomes, diretora da Policlínica Metropolitana, que está à frente da ação, o momento é para se manter alerta com a saúde e reforçar os cuidados com a higiene e o afastamento social. “Nos últimos dias, já percorremos três municípios do nordeste paraense, e percebemos um número significativo de casos de Covid, com a média de 50% dos testados com os resultados reagentes à doença. Os resultados mostram que devemos nos cuidar, usar máscara, álcool em gel, lavar bem as mãos, e, na medida do possível, se resguardar. Além da Covid, esses cuidados também evitam Influenza, que está com um número considerável de acometimento”, alertou a gestora, acrescentando a importância de manter a vacinação completa.

No combate à pandemia no Estado, a Policlínica Metropolitana, em Belém, este ano é responsável pelo gerenciamento de uma das frentes de atuação da Poli Itinerante. Assim, segue com seu perfil de atendimento normal. A Central Diagnóstico, na Avenida Almirante Barroso, no bairro do Marco, permanece com o fluxo de exames e consultas em 20 especialidades médicas, e não está atuando no atendimento a pessoas com sintomas de síndromes gripais, como Influenza e Covid-19.

Serviço: Policlínica Itinerante em Vigia de Nazaré. Dias 26 e 27 de janeiro, na Escola Municipal Teodoro Rodrigues, na Rua Marcionildo Alves - Praça Olavo Raiol – sede municipal de Vigia de Nazaré. Das 8 às 16 h.

Texto: Roberta Paraense – Ascom/Policlínica

Por Governo do Pará (SECOM)