Adepará participa de programação sobre o cultivo da soja, em Altamira

Empresas e produtores locais debateram exposição de tecnologias, variedades de sementes, novas tecnologias para o cultivo

12/01/2022 13h24 - Atualizada em 12/01/2022 14h09

A Agência de Defesa Agropecuária do Estado (Adepará) participou, no último dia 8 de janeiro, de um evento sobre o Dia no Campo, promovido por empresas privadas do município de Altamira e contou com a participação da gerência regional de Novo Progresso.

A programação proporcionou a interação entre as empresas e os produtores rurais locais e foi marcada pela exposição de tecnologias, variedades de sementes, novas tecnologias para o cultivo em comparativo com demais variedades e uma palestra ministrada pelo Agente Fiscal Agropecuário (AFA), Marino Becker, que apresentou a atualização e portaria quanto ao cadastro de produtor, de propriedade e de safra 2021/2022. Além disso, Marino também explanou sobre as épocas de plantio, calendário e o vazio sanitário da soja - estratégia de manejo adotada para reduzir a sobrevivência do fungo causador da Ferrugem Asiática (Phakopsora pachyrhizi) durante a entressafra e assim atrasar a ocorrência da doença na safra.

O agente fiscal, Marino Becker, da regional de Novo Progresso, destaca que o encontro e a conversa sobre pontos importantes em relação ao cultivo de sementes e vazio sanitário é necessário para garantir a segurança do plantio.

“O Vazio Sanitário é uma medida necessária de controle e prevenção contra a Ferrugem Asiática. É importante que os produtores estejam atentos e busquem garantir uma fiscalização eficaz no campo para manter o controle desta praga e o plantio se desenvolva de maneira saudável”, disse o agente fiscal agropecuário. 

Do mesmo modo, o agente também esclareceu pontos importantes sobre as novas diretrizes que os produtores precisam seguir em relação à soja e também sobre a educação sanitária.

Por Lilian Guedes (SEDOP)