Biblioteca Pública Arthur Vianna se mantém como referência para todos os públicos

Seção de obras raras e jornais, espaços para leitura infantil, fonoteca e área com pontos de internet fazem do espaço um convite ao universo do conhecimento

07/01/2022 21h55 - Atualizada em 08/01/2022 00h09

Com um amplo acervo, a Biblioteca Arthur Vianna é fonte de conhecimento em Belém há mais de três décadasNeste Dia do Leitor - 7 de Janeiro, a Biblioteca Pública Arthur Vianna, da Fundação Cultural do Pará (FCP), continua sendo um espaço de referência para pessoas interessadas nos mais diferentes tipos de leitura, desde o acervo geral, passando pela gibiteca e a Seção de Obras Raras.

A coordenadora do espaço cultural e de aprendizado, Simone Rabelo, confirma que o leitor pode, inclusive, ler em casa, já que há uma seção de livros para empréstimo. Biblioteca infantil e seção de jornais, além dos espaços de entretenimento, como audiovisual, brinquedoteca e a Fonoteca Satyro de Mello, também despertam o interesse de públicos de todas as idades. A seção do acervo geral ainda é a mais procurada, devido principalmente à variedade de obras.Biblioteca infantil e brinquedoteca estimulam o apreço aos livros entre quem dá os primeiros passos no mundo da literatura

A Biblioteca é espaço aconchegante para o leitor, com áreas específicas para leitura, estudo, trabalho escolar e acadêmico, ou até mesmo para trabalhar, nos pontos de internet. "Voltamos a atender nosso público sem agendamento a partir de agosto de 2021. Desde então, recebemos em torno de 3.550 leitores ao mês. Atualmente, contamos com 14.860 leitores ativos cadastrados na Biblioteca", informa Simone Rabelo.A Biblioteca Pública funciona no 4º andar da Fundação Cultural do Pará

Patrimônio - "A mensagem que eu deixo, não só para nossos leitores, mas também para a comunidade em geral, é que o livro, a leitura, o conhecimento, são nossos maiores patrimônios culturais. O conhecimento se eterniza dentro de nós pela leitura. Então, venha até a Biblioteca Arthur Vianna", convida a coordenadora.A seção de jornais é procurada por estudantes e pesquisadores

Helena Renato, 18 anos, estudante de Licenciatura em Audiovisual, é uma das frequentadoras do espaço. Ela relata que o hábito da leitura melhorou muito sua capacidade de expressão e comunicação. "Você ganha uma voz, faz até novos amigos. A leitura tem essa capacidade de unir, ao mesmo tempo em que é um refúgio, lugar de conforto, ainda mais em uma biblioteca, com um acervo tão grande e cheio de possibilidades", acrescenta a estudante.

Serviço: Biblioteca Pública Arthur Vianna – 4º andar do prédio-sede da Fundação Cultural do Pará (FCP) – Avenida Gentil Bittencourt, 650, bairro Nazaré. Funcionamento: de 2ª a 6ª feira, das 8h30 às 18 h. Fone: (91) 3202-4332 / cbpav@fcp.pa.gov.br.

Por Carol Menezes (SECOM)