Secretaria de Esporte mantém as inscrições abertas para Vida Ativa na Terceira Idade

Programa do Governo do Pará tem como público alvo pessoas acima de 50 anos e atende cerca de dois mil idosos em quatro núcleos

14/09/2021 14h43 - Atualizada em 14/09/2021 15h37

Alegria e disposição em turma do Vida Ativa na Terceira Idade, que agora está com inscrições abertas (imagem feita antes da pandemia)O programa Vida Ativa na Terceira Idade, da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel), segue com inscrições abertas para receber alunos antigos e novos, na Associação dos Servidores da Assembleia Legislativa do Pará (Asalp) e Tuna Luso Brasileira, respectivamente. Os interessados têm até a quinta-feira (16) para se matricular, presencialmente nas atividades gratuitas.

No núcleo Asalp, são ofertadas as vagas para participantes antigos em atividades de hidroginástica, ginástica, aerodança, ritmos, alongamento, treino funcional e memorização. Já na Tuna, os alunos novos poderão se inscrever para as modalidades de Treinamento Funcional, Ginástica, Alongamento e Ritmos. Nos dois locais o horário é de 8h às 11h.

“Eu já participo desde o início do programa e me sinto muito bem, sou bem tratada não só pelos professores, mas por parte de toda a coordenação. Faço principalmente pela socialização. Esse convívio que temos é excelente pra gente, pra nós da melhor idade. Faz bem não só para a parte física, mas mental e intelectual de todos que participam do programa”, conta Idaneide Guimarães, 85 anos.

Senhoras se inscrevem para o Programa da Seel, entre elas, Idaneide Branco Guimarães, de 85 anos: "Esse convívio é excelente". Cabe ressaltar que cada aluno só poderá escolher uma única atividade, bem como fará aula uma vez por semana, conforme os protocolos de segurança do retorno. Para se inscrever, os interessados precisam apresentar cópias dos seguintes documentos: carteira de identidade, uma foto 3x4, comprovante de residência, atestado do cardiologista do ano de 2021 (cópia e original) e a carteira de vacinação contra Covid-19, com as duas doses (cópia e original).

“Estamos tentando retornar, seguindo todas as medidas de segurança. O Vida Ativa proporciona aos alunos as experiências que o programa proporciona, eles trocam experiências, saem mais fortalecidos e felizes, para além da atividade física que, por si só aumenta o bem estar”, disse Márcia Reis, coordenadora do programa.

Vida Ativa

O Vida Ativa tem como público alvo pessoas acima de 50 anos e atende cerca de dois mil idosos, em quatro núcleos: Tuna Luso Brasileira, Escola Triunfo, Escola de Educação Física e Asalp.

Texto de Bianca Rodrigues (Ascom/Seel)

Por Governo do Pará (SECOM)