Em Santarém, obra do Terminal Hidroviário entra na reta final

O terminal terá 3,6 mil metros quadrados de área construída e já é considerado o maior terminal deste tipo, no Brasil.

09/08/2021 10h11 - Atualizada em 09/08/2021 12h35

A obra de construção do Terminal Hidroviário de Passageiros e Cargas de Santarém, no Baixo Amazonas, entra na reta final. As equipes que trabalham diretamente no local, agora, concentram os esforços para a realização de ações que garantam qualidade aos acabamentos do espaço.

O trabalho desenvolvido pelos operários é considerado complexo, principalmente, por ser realizado em uma estrutura tão grande. O terminal terá 3,6 mil metros quadrados de área construída e já é considerado o maior terminal deste tipo, no Brasil.

“O Terminal Hidroviário de Santarém já é considerado o mais moderno do Brasil e terá uma importância estratégica muito grande, pois além de integrar o Baixo Amazonas e Calha Norte, o porto vai ajudar a potencializar o turismo na região, que tem vocação para receber grandes cruzeiros, trazendo a geração de emprego e renda local para essa região do Estado”, avaliou o presidente da Companhia de Portos e Hidrovias do Pará (CPH), Abraão Benassuly.

No total, a estrutura que vem sendo construída vai contar com 16 guichês para venda de bilhetes; guarda-volumes; sistema de climatização; banheiros masculino, feminino e para pessoas com deficiência; farmácia; três lanchonetes e restaurante. A sala de embarque vai contar com 1.205 cadeiras e rede wifi gratuita para os usuários.

Haverá, ainda, espaços para instalação de lojas e quiosques, e salas para órgãos de segurança e justiça, como Polícia Militar, Conselho Tutelar, Agência de Regulação e Controle dos Serviços Públicos do Pará (Arcon). Já o terminal de cargas terá um galpão com mais de 6 mil metros quadrados. A construção do terminal também representa a criação de postos de trabalhos, com a geração de 700 empregos diretos e 150 indiretos na região.

O eletricista Luiz Eduardo Pedroso de Azevedo é um dos atuais trabalhadores da obra. O operário avaliou a obra como sendo importante para toda a região. “Quando ficar pronta, eu vou passar aqui com a minha família e vou dizer que ajudei a construir, vou falar desse momento tão importante com muito orgulho de hoje”, destacou Azevedo.

Para auxiliar no embarque e desembarque de passageiros, o espaço terá rampa metálica biarticulada, passarela coberta em concreto, e flutuante com oito fingers, para atraque das embarcações. Na área externa, o terminal vai dispor de estacionamento com 5,8 mil metros quadrados e vagas para carros, motocicletas e bicicletas, além de pontos para táxis e ônibus. O Terminal Hidroviário de Passageiros e Cargas de Santarém será entregue em breve pelo Governo do Pará, por meio da CPH.

Por Ronan Frias (COHAB)