Seaster certifica 80 alunos em cursos de estética, costura e manipulação de frutas

Projeto de qualificação visa a reinserção de pessoas em situação de vulnerabilidade social com a oferta de cursos profissionalizantes e oportunidades para o ingresso no mercado de trabalho.

08/06/2021 15h51

"Quando eu estava triste, ia para o curso buscar conhecimento. Lá, a gente aprende a dividir nossas dores e ainda adquiri conhecimento para enfrentar nossas lutas. Eu sou muito grata por tudo", disse a aluna do curso de estética, Patrícia Pessoa, durante a entrega de certificados dos cursos oferecidos pelo Plano Estadual de Qualificação Social e Profissional do Estado do Pará (PQSP), iniciativa do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster).

A entrega ocorreu na sede da Secretaria, em Belém, e reuniu as 80 pessoas que integraram as turmas concluintes dos cursos de estética e maquiagem, corte e costura, e manipulação, beneficiamento e conservação de frutas, ambas executadas em parceria com a empresa Excelência, durante o no ano de 2020.

O projeto de qualificação tem o objetivo de inserir e reinserir pessoas em situação de vulnerabilidade social, oferecendo cursos profissionalizantes e oportunidades para o ingresso no mercado de trabalho. Nos bairros atendidos pelo programa Territórios pela Paz (TerPaz), são realizadas palestras e orientações sobre empreendedorismo.

André Cardoso estava desempregado quando soube que o curso seria desenvolvido em seu bairro. “Eu que perdi o emprego em meio à pandemia, me vi em uma nova oportunidade fazendo o curso de manipulação de frutas. É muito importante pra gente ter essa qualificação", disse o morador do bairro da Terra Firme.

“A nossa missão é voltar o nosso olhar aos mais vulneráveis, àqueles que não têm oportunidades. Por isso a profissionalização deste público é tão importante. A Seaster, através do Governo do Estado, tem fortalecido essas parcerias, buscado mais qualificação para a população e, consequentemente, a geração de emprego e renda durante esse momento delicado que estamos vivendo”, ressaltou o secretário adjunto de Trabalho e Emprego, Miriquinho Batista.

De janeiro a maio de 2021, a Seaster já qualificou 520 jovens, em 26 turmas, distribuídas em 18  municípios do Estado.

Por Camila Santos (SEASTER)