Pará recebe nova remessa de doses de vacinas contra Covid-19, com primeiro lote da Pfizer

03/05/2021 16h12 - Atualizada em 03/05/2021 16h27

O Pará recebeu, na tarde desta segunda-feira (3), a décima sétima remessa de vacinas contra a Covid-19. Foram enviadas pelo Ministério da Saúde (MS) 14.040 doses da vacina produzida pela Pfizer em parceria com a empresa alemã BioNTech e 206.750 da Oxford/AstraZeneca, produzida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

Até o momento, o Pará recebeu 2.095.430 doses de vacinas contra a Covid-19, entre imunizantes do tipo CoronaVac/Sinovac, Oxford/AstraZeneca e Pfizer.

Por questões técnicas e condições do próprio fabricante, a vacina da Pfizer exige um transporte e armazenamento diferenciado. 

“Conforme orientação do Ministério da Saúde, todas as doses das vacinas da Pfizer, serão entregues apenas para as capitais. Ao chegar em Belém as doses da vacina serão transportadas em caminhão isotérmico, que atinge temperaturas de até -20 graus e entregue direto ao município”, informa o secretário de Saúde do Estado (Sespa), Rômulo Rodovalho.

Para a vacina Oxford/AstraZeneca, a expectativa é de que a distribuição aconteça ao longo da semana para os Centros Regionais de Saúde. O envio será feito por vias terrestre, aérea e fluvial, e contará com o apoio da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup).

"Nós sempre reforçamos este pedido, pois é importante que todos façam a sua parte. Quem já iniciou a imunização com a primeira dose da vacina não pode deixar de ter os cuidados básicos. Todos precisam continuar usando máscara, álcool em gel, higienizando as mãos e mantendo o distanciamento social. Todas as medidas aliadas à vacina vão nos ajudar a diminuir os números da doença no nosso Estado”, destacou o secretário de Saúde.

Calendário de chegada ao Pará dos lotes de vacinas já enviados pelo Ministério da Saúde:

- 18 de janeiro: 173.240 doses da CoronaVac/Sinovac.

- 24 de janeiro: 49 mil doses da Oxford/AstraZeneca.

- 25 de janeiro: 29.200 doses da CoronaVac/Sinovac.

- 06 de fevereiro: 64.400 doses da CoronaVac/Sinovac.

- 24 de fevereiro: 98.200 doses - CoronaVac/Sinovac - 37.200 doses, e Oxford/AstraZeneca, 61 mil.

- 03 de março: 67 mil doses da CoronaVac/Sinovac.

- 10 de março: 61.600 doses da CoronaVac/Sinovac.

- 17 de março: 117.400 doses da CoronaVac/Sinovac.

- 20 de março: 286 mil doses - CoronaVac/Sinovac, 102 mil, e Oxford/AstraZeneca, 184 mil.

- 26 de março: 150.900 doses da CoronaVac/Sinovac (84.800) e Oxford/AstraZeneca (66.100).

- 02 de abril: 234.150 doses, sendo 215.400 da CoronaVac/Sinovac e 18.750 da Oxford/AstraZeneca.

- 09 de abril: 116.200 doses, sendo 52.200 da CoronaVac/Sinovac e 64.000 da Oxford/AstraZeneca.

- 16 de abril: 170.300 doses, sendo 102.500 doses da Oxford/AstraZeneca e 67.800 da CoronaVac/Sinovac.

- 23 de abril: 98.900 doses, sendo 79.500 da Oxford/AstraZeneca e 19.400 doses da CoronaVac/ Sinovac.

- 30 de abril: 148.750 doses, sendo 145.750 da Oxford/AstraZeneca e 3.000 doses da CoronaVac/ Sinovac.

- 01 de maio: 9.400 doses da CoronaVac/Sinovac.

- 03 de maio:14.040 doses da Pfizer e 206.750 da Oxford/AstraZeneca.

Texto: Melina Marcelino (Ascom/Sespa)

Por Governo do Pará (SECOM)