Seac doa 5.800 máscaras do projeto 'Costurando a Paz' à Seduc

O objetivo final é o atendimento de moradores do bairro do Guamá, em Belém, por meio do Espaço Cultural Nossa Biblioteca

05/02/2021 15h06 - Atualizada em 05/02/2021 15h14
Por Paulo Garcia (SEAC)

A secretaria Estratégica de Articulação da Cidadania (Seac) realizou um ato simbólico, na manhã desta sexta-feira (05), com o termo de assinatura para a doação de 5.800 máscaras destinadas à Secretaria de Estado de Educação (Seduc) que fará o repasse ao projeto do Espaço Cultural Nossa Biblioteca, no bairro do Guamá, em Belém.

O material foi produzido pelas costureiras do projeto “Costurando a Paz”, que integra o programa estadual Territórios Pela Paz (TerPaz), nesse período de combate à pandemia da Covid-19. “É um motivo de alegria ver essas máscaras sendo entregues, por meio do nosso projeto em parceria com a Fábrica Esperança, que capacitou desde julho do ano passado, mulheres trabalhadoras dos Territórios da Paz, fomentando o emprego, renda e a profissionalização delas e agora essas máscaras serão utilizadas pelos moradores do Guamá”, pontuou Raimundo Santos Junior, secretário-adjunto da Seac.

O primeiro lote das máscaras do “Costurando a Paz” começou a ser entregue, aos moradores dos sete bairros atendidos pelo TerPaz, em setembro de 2020 e já contabilizou mais de 80 mil máscaras doadas.

Nesta nova doação, intermediada pela Seduc, as máscaras farão parte de um projeto em alusão aos 300 anos do bairro do Guamá, em Belém, em iniciativa do Espaço Cultural Nossa Biblioteca.

“Esta instituição está desenvolvendo um trabalho para transformar o Guamá em um bairro de leitura nos próximos anos, então estamos iniciando este trabalho, distribuindo cerca de dois mil jornais à população guamaense, onde será contado a história do bairro, suas características, junto com as máscaras, é uma forma de incentivar a proteção contra à Covid-19”, comentou Ivete Brabo, representante da Seduc no TerPaz.

Para o representante do Espaço Nossa Biblioteca, Raimundo de Oliveira, as máscaras doadas pela Seac chegaram em excelente hora e vão agregar ao projeto. “As máscaras vão estar dentro de uma estratégia de informação da nossa população, o nosso jornal vai falar de uma história que é muito ligada à saúde e, claro, vão estar também na mobilização do povo, em uma mensagem muito forte no sentido da proteção, de que podemos fazer mais para que todos possam ter uma vida e uma saúde melhor, nesse tempo de pandemia”, disse.