Exposição de roupas e acessórios homenageia 405 anos de Belém

Iniciativa com mais de 90 peças pode ser conferida no Espaço São José Liberto e busca fortalecer a moda criativa, autoral e sustentável paraense

14/01/2021 15h58 - Atualizada em 14/01/2021 17h41
Por Evaldo Júnior (PC)

Como parte das politicas públicas de valorização da cultura paraense, o Governo do Pará, por meio do Núcleo de Desenvolvimento Tecnológico e Organizacional, realiza até o próximo dia 07 de fevereiro, a exposição “Revestir”. A ação é uma parceria com o Instituto de Gemas e Joias da Amazônia e está aberta à visitação no Espaço São José Liberto, em Belém. A coleção de produtos de moda autoral sustentável presta uma homenagem aos 405 anos de Belém.Exposição Revestir pode ser apreciada no São José Liberto

São mais de 90 peças em exposição no Espaço São José Liberto, na capital, Belém. Algumas peças são temáticas inspiradas em ícones da cidade como a chuva, as garças e os urubus do Complexo do Ver-o-Peso, a Praça do Relógio e as torres de ferro do Mercado de Peixe.

“Eu amo Belém, sou apaixonada pela minha cidade e a minha cidade é o meu quadro de inspiração. Cada prédio, cada detalhe do dia a dia me inspira. E eu peguei uns ícones bem fortes da nossa capital para desenvolver essa coleção e a exposição”, destacou a estilista Graça Arruda, criadora da marca “Madame Floresta”.

O evento destaca, entre seus objetivos, a importância de reafirmar a urgência da conservação do planeta através da reutilização criativa e do uso de tecidos biodegradáveis, bem como apresentar formas mais sustentáveis de produzir artigos de moda. 

“Revestir porque elas eram peças usadas, foram desconstruídas e construídas novas peças para serem revestidas. Essa exposição está muito bonita, eu estou muito feliz com o resultado do trabalho”, disse a criadora. 

O coordenador do Núcleo de Desenvolvimento Tecnológico e Organizacional, Tiago Gama, disse que além de representar uma homenagem ao aniversário da cidade de Belém, a mostra "reafirma o compromisso do Governo do Estado, por meio da Sedeme (Secretaria de Estado de Desenvolvilmento Econômico, Mineração e Energia) e o Igama (Instituto de Gemas e Joias da Amazônia) com o desenvolvimento local e da economia criativa, fortalecendo as marcas de moda local bem como seus empreendimentos e seus empreendedores, impulsionar o acesso ao mercado, trabalho e renda”, afirmou o gestor. 

SERVIÇO

A exposição "Revestir" - aberta para visitação presencial até o dia 07/02/2021.

Local: Espaço São José Liberto, na Praça Amazonas, s/n, no bairro do Jurunas, em Belém.

Horário: Terça-feira a sábado, das 10h às 18h; domingos e feriados, 10h às 16h.