Estado e Prefeitura debatem regularização fundiária e urbanização em Belém

Gestores da Cohab e Codem já começaram a traçar as estratégias para um trabalho integrado

07/01/2021 19h00 - Atualizada em 07/01/2021 20h18

A regularização fundiária e as ações relacionadas à urbanização de áreas em Belém foram assuntos abordados durante reunião, nesta quinta-feira (7), entre representantes da Companhia de Habitação do Estado do Pará (Cohab) e Companhia de Desenvolvimento e Administração da Área Metropolitano de Belém (Codem).Primeira reunião entre Estado e Prefeitura de Belém para definir estratégias de ação conjunta

"A Cohab vem realizando ações pela melhoria urbana dentro de todo o território paraense. O trabalho, naturalmente, ocorre também em Belém. Nossa reunião hoje compartilha as primeiras informações sobre o potencial das instituições. Além disso, já iniciamos os próximos passos que têm como objetivo trazer maior desenvolvimento urbano", informou o titular da Cohab, Luís André Guedes.

Durante o primeiro encontro realizado pela Companhia de Habitação estadual e a nova gestão da Codem, Luís André Guedes debateu os principais pontos de interação entre o governo do Estado e a gestão da capital com o presidente da Codem, Lélio Costa, e a diretora de Políticas Habitacionais da Cohab, Monique Antunes.Temas importantes foram debatidos por Monique Antunes, Lélio Costa e Luís André Guedes (d)

Participação e apoio - O titular da Cohab ressaltou a importância do trabalho integrado entre Estado e municípios. "O trabalho do Estado é relacionado diretamente aos municípios. Contar com a participação e o apoio dos gestores municipais é importante para o desenvolvimento das ações em conjunto. Desta forma, a população atendida é a principal beneficiária da força de trabalho integrada", afirma Luís André Guedes.

Segundo Lélio Costa, "a parceria do governo do Estado com a Prefeitura de Belém, nessa nova gestão, é fundamental. A Codem compreende que deve apoiar, acolher todas as ações que em parceria com a Cohab efetivem a melhoria da qualidade de vida da população de Belém. E a regularização fundiária é um instrumento de inclusão social e territorial fundamental para melhorar a dignidade do povo. Portanto, o governo do Estado e a Prefeitura estão de parabéns e de mãos dadas por um Pará melhor e por uma Belém mais desenvolvida".

Outro tema debatido durante a reunião foi a possibilidade de cooperações técnicas que viabilizem avanços operacionais entre as duas Companhias.

Obras de urbanização e melhorias das condições de moradia são prioridades das duas gestões

Por Ronan Frias (COHAB)