Mutirão de consultas com urologistas marca Dia Internacional do Homem

Iniciativa da Sespa foi realizada no Hospital Regional Dr. Abelardo Santos para incentivar a prevenção e os cuidados com a saúde do homem

19/11/2020 20h35 - Atualizada em 20/11/2020 08h12
Por Mozart Lira (SESPA)

A Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) realizou nesta quinta-feira (19), no Hospital Regional Dr. Abelardo Santos, em Icoaraci (distrito de Belém), um mutirão de consultas com urologistas para pacientes já agendados pela Regulação Estadual, após passarem por encaminhamentos de médicos clínicos de secretarias municipais de Saúde. Alusiva ao Dia Internacional do Homem - 19 de Novembro, a medida fez parte da campanha “Novembro Azul”, que marca o mês de conscientização sobre a prevenção e a promoção dos cuidados com a saúde do homem.Orientações sobre prevenção de doenças e os cuidados diante de sinais e sintomas foram repassados às pessoas atendidas no mutirão

Os atendimentos foram feitos em dois turnos. No início de cada sequência, técnicos das coordenações de Saúde do Homem e de Atenção Oncológica da Sespa fizeram uma roda de conversa para sensibilizar os usuários sobre a importância da detecção precoce dos cânceres de boca, próstata e pênis. 

Na ocasião, a odontóloga e mestre em Odontopediatria, Elza Barros, informou que é necessário ficar atento aos sinais do câncer bucal e, caso apareça alguma lesão na boca que não cicatrize em 15 dias, um dentista ou um médico deverão ser consultados para a realização de exame. Diante do resultado, até mesmo uma biópsia deverá ser realizada. “Tivemos o objetivo de orientar e quebrar tabus, em que evidenciamos a importância da prevenção do câncer de boca através de hábitos alimentares e bons costumes”, alertou a odontóloga.

Continuação - O coordenador de Saúde do Homem da Sespa, Diego Cutrim, informou que as consultas e os procedimentos eletivos em Urologia no Hospital Regional Dr. Abelardo Santos deverão continuar na medida em que a Regulação Estadual for encaminhando os pacientes já regulados pelas secretarias municipais da Saúde. “Essa dinâmica estabelecida vai acelerar o fluxo de atendimento a esse segmento, que não procura o serviço de saúde como deveria por uma questão cultural. Mas isso está mudando devido a iniciativas como essa”, acentuou.

Um dos pacientes atendidos foi Cosme da Costa, 55 anos, que há cerca de um ano começou a sentir sintomas característicos de problemas na próstata. Ele procurou atendimento na rede privada, mas não conseguiu arcar com os altos custos do tratamento. Por isso, recorreu ao Sistema Único de Saúde (SUS). Na Unidade Básica de Saúde (UBS), Cosme realizou o exame PSA, cujo resultado recomendou encaminhamento para médico urologista no “Abelardo Santos”. “Estou sendo bem atendido nesse hospital e agradeço pela atenção e carinho que tenho recebido dos profissionais daqui. Conforme as orientações dos palestrantes, continuarei a cuidar da minha saúde”, disse.

O diretor técnico do Hospital Regional Dr. Abelardo Santos, Milton Bonny, reforçou a importância do diagnóstico precoce para o tratamento do câncer de próstata e da oportunidade de levar conhecimento e orientação ao público masculino. Para ele, a articulação realizada com a Coordenação de Saúde do Homem oportunizou as consultas com urologistas, a fim de suprir essa demanda. “Temos estrutura e profissionais competentes para realizar o atendimento e prosseguir o tratamento, o que é gratificante para todos os profissionais do hospital em garantir mais esse benefício para a população do Pará”, destacou o gestor. (Colaboração de Gabriela Rodrigues - Ascom / Hospital Regional Dr. Abelardo Santos).