Duplicação de trecho da PA-287 será entregue antes do prazo previsto

Via é uma das mais importantes das regiões sul e sudeste do Pará, com mais de 188 Km de extensão, dos quais 144 estão asfaltados

20/09/2020 09h47 - Atualizada em 20/09/2020 11h47
Por Kátia Aguiar (SETRAN)

Secretaria de Transportes mantém frentes de trabalho nos fins de semana para reduzir prazo de entrega da pavimentação da PA-287 Com frentes de trabalho aos sábados e domingos, a obra de duplicação, e pavimentação de um trecho da PA-287, em Redenção, no sudeste do Pará, deve ser entregue em seis meses. A obra iniciou em julho de 2020, com prazo de execução de dez meses. É mais uma obra do Governo do Pará que será entregue antes do prazo, conforme orientação do governador Helder Barbalho.

"O governador solicitou que a Setran faça um planejamento para que todas as obras sejam entregues antes do prazo previsto”, destaca Pádua Andrade, titular da Secretaria de Estado de Transportes.

A obra executada pela Setran está  em etapa de pavimentação asfáltica, e devolverá ao município quase quatro quilômetros da rodovia pavimentados, duplicados e sinalizados.

A PA-287 passará de 10 para 17 metros de largura, atendendo à demanda de melhorar a infraestrutura rodoviária na área urbana do município de Redenção. A obra também beneficiará o acesso ao aeroporto do município.

Segundo Pádua Andrade, estão sendo investidos na obra quase R$ 8 milhões, do tesouro estadual. A via é uma das mais importantes da região sul e sudeste do Pará, com mais de 188 quilômetros de extensão, dos quais 144 estão asfaltados.

“O trabalho de infraestrutura de asfalto não para em todo o Pará, e na região sudeste os serviços estão acelerados, pois atendem a reivindicações antigas do povo da região, por exemplo da duplicação da PA- 287, um sonho de mais de 20 anos de quem utiliza a estrada, e estamos trabalhando aos fins de semana para atingir a meta planejada de entregar o empreendimento antes do prazo previsto”, disse Pádua.

A PA-287 é alternativa de acesso de Redenção à Conceição do Araguaia, e também a Cumaru do Norte. Próxima ao estado do Tocantins, a rodovia é também uma estratégica rota de escoamento de produtos que chegam e saem do Pará.