Ação Cidadania faz mais de 2,4 mil atendimentos em Limoeiro do Ajuru

30/08/2020 15h05 - Atualizada em 31/08/2020 10h31
Por Nathalia Mota (PARAPAZ)

Pela primeira vez o programa Ação Cidadania, uma das principais atividades da Fundação ParáPaz, chegou ao município de Limoeiro do Ajuru, no nordeste paraense. Foram feitos mais de 2,4 mil atendimentos aos moradores e comunidades ribeirinhas. Os serviços foram oferecidos na sexta-feira (28) e sábado (29), na Escola Estadual Jerônimo Milhomem, em frente à praça central da cidade. 

Uma das vantagens ao frequentar o serviço itinerante é a agilidade do atendimento. No mesmo dia, o cidadão pode receber orientações jurídicas, resolver problemas pendentes de documentação, como a emissão da 1ª e 2ª via da carteira de identidade, e fazer procedimentos médicos, por exemplo. 

O pescador Ébio Matos, 32 anos, foi com a intenção de renovar a certidão de nascimento. “A minha está muito velha, toda rasgada. Não tive cuidado durante os anos e ficou assim. Como precisava pagar por outra e não tinha dinheiro pra isso, só fez piorar com o tempo”, disse. Após ter solicitado uma nova certidão e ter garantido a gratuidade do documento, Ébio aproveitou para fazer tanto o teste rápido para HIV, sífilis e hepatites virais quanto de Covid-19.

“Tive sintomas há três meses, e agora que surgiu  a oportunidade para fazer o teste. Os outros vou fazer pela primeira vez”, frisou. “Consegui resolver problemas que tentei durante anos e aprendi coisas que não sabia. Fiz meus testes, passei pelo médico e fui muito bem atendido por todos”.

Agilidade - O coordenador da Ação Cidadania, Nilson Lima, avaliou positivamente o programa. “Foi uma ação muito produtiva. Tivemos um fluxo de atendimento muito rápido porque, ao mesmo tempo que a pessoa era atendida, ela já estava encaminhada para tirar a certidão, a identidade, proporcionando atendimento de qualidade em pouco tempo”. 

A professora Maria José Lopes, 45 anos, também agradeceu à equipe pelo empenho. “Foi muito rápido. Desde a hora que cheguei, passei pelos procedimentos, fiz os testes e até o recebimento dos resultados, economizei muito tempo. Geralmente um serviço completo assim demoraria um dia inteiro até concluir”, contou ela, que fez também os testes rápidos e o de Covid-19, pois teve contato com uma pessoa contaminada. “Fiquei mais aliviada agora porque todos deram negativo, mas não vou deixar de me cuidar”. 

“O sucesso das nossas ações só pode ser explicado pela qualidade da nossa equipe. Seria impossível chegar aonde chegamos sem o trabalho, o comprometimento e o esforço de cada um deles”, ressaltou Nilson. A Ação Itinerante de Cidadania teve a parceria da Polícia Civil; secretarias de Estado de Saúde Pública (Sespa) e de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster) e Defensoria Pública. 

Serviço: O mutirão de serviços estará no município do Acará, nordeste paraense, na sexta-feira (4) de 8h às 15h, e sábado (5), de 8h às 14h, na Escola Estadual Felipe Patroni, localizada na Travessa São José, 12.