Governo do Estado dialoga com concursados da Seduc

11/08/2020 09h51 - Atualizada em 11/08/2020 10h39
Por Luana Leite (SEPLAD)

Reunião com comissão dos aprovados no concurso C-173O governo do Estado mantém o diálogo com os aprovados no concurso C-173 da Secretaria de Estado de Educação (Seduc). Na segunda-feira (10), as secretárias de Planejamento e Administração (Seplad), Hana Ghassan, e de Educação, Elieth de Fátima Braga, receberam uma comissão para tratar sobre as nomeações dos aprovados.

Para agilizar o ingresso dos novos servidores, um Projeto de Lei foi encaminhado para a Assembleia Legislativa do Pará (Alepa), que vai permitir um prazo maior na validade do concurso, viabilizando dessa forma, as nomeações dos 522 aprovados.

"Trabalhamos de forma conjunta para somar esforços e, dessa forma, através do diálogo, a educação tenha sempre mais melhorias", destacou a titular da Seplad.

O governo, por meio da Seplad e Seduc, tem como prioridade trabalhar em prol de soluções para que todos os aprovados do concurso C-173 ocupem o seu cargo de acordo com a disponibilidade no Estado. Por isso, Hana Ghassan enfatiza que o Estado busca e apresenta alternativas, para que todos possam ingressar no serviço público de forma imediata.

"Temos um compromisso com os concursados, e em conjunto com a comissão estudaremos possibilidades. Se não houver vagas suficientes na Região Metropolitana de Belém, uma lista será disponibilizada após um levantamento, com as vagas a serem preenchidas nas instituições públicas em todo o Estado", explicou a secretária, ao lembrar que o governo do Estado já nomeou 1.590 servidores, referentes ao concurso C-173.