PM se alia à Sectet para promover cursos a familiares de policiais militares

Projeto Caminhos é uma alternativa para assegurar às famílias militares oportunidades de profissionalização e complementação da renda

08/08/2020 10h43 - Atualizada em 08/08/2020 11h09
Por Matheus Soares (PM)

Oficiais de várias unidades conhecem as linhas gerais do projeto Caminhos, alternativa de formação profissional a familiares de militaresA Polícia Militar do Pará apresentou a oficiais de várias unidades o projeto "Caminhos", idealizado pelo gabinete do Comando Geral da PM para capacitar familiares de policiais militares em cursos profissionalizantes de entidades dos setores público e privado em diversos municípios da Região Metropolitana de Belém e do interior do Estado. O projeto conta com a parceria da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet). 

A reunião, na manhã desta sexta-feira (7), foi no auditório do Quartel do Comando Geral (QCG), com a participação de oficiais de várias unidades.

Os militares esclareceram dúvidas e conheceram o novo projeto, em fase de construção junto à Sectet. O projeto Caminhos surgiu da necessidade de prover novas alternativas de sustento e complementar o orçamento familiar de policiais militares.

Assistente do Comandante-Geral, o tenente-coronel Mauro Martins informou que, após a assinatura do termo de cooperação técnica com a Polícia Militar, a Sectet disponibilizará o catálago de cursos disponíveis em nove municípios abrangidos pelo projeto - Ananindeua, Belém, Barcarena, Castanhal, Capanema, Parauapebas, Redenção, Santarém e Marabá. O projeto poderá ser estendido a outros municípios.

"A Sectec estará disponibilizando, nos próximos dias, a relação dos cursos de acordo com a faixa etária e carga horária e, após a assinatura do termo de cooperação técnica, as duas entidades trabalharão na implementação das demandas", frisou o tenente-coronel Mauro Martins. Ainda de acordo com o oficial, haverá cursos de formação inicial e continuada de curta e média duração, além de cursos técnicos.

CIVIS

O Comandante-Geral da PM, coronel Dilson Júnior, destaca que os cursos serão oferecidos preferencialmente aos familiares dos militares, mas também haverá vagas para a população civil.

“A Polícia Militar exerce, hoje, um protagonismo social muito forte, ela é referência na área da segurança e no aspecto social, auxiliando constantemente a população nas comunidades. Isso é algo que já fazemos naturalmente e agora vamos institucionalizar essas ações, por meio da disponibilização de cursos que, com certeza, irão mudar a vida de muitas pessoas”, ressaltou.

Os familiares dos policiais interessados em participar dos cursos devem procurar o batalhão mais próximo para inscrever-se no projeto Caminhos. Os batalhões organizarão, inscreverão e encaminharão as demandas ao Gabinete do Comando Geral. O início dos cursos está previsto para janeiro de 2021, por causa da pandemia da Covid-19.

Cursos de formação inicial e continuada:
- Artesanatos
- Porteiro e Vigia
- Barbeiro, Cabeleleiro
- Manicure e Pedicure
- Operador de caixa
- Recepcionista
- Decoração
- Cozinheiro

Cursos Técnicos:
- Eletricista
- Mecânico de carro leve
- Mecânico de motores a diesel
- Mecânico de refrigeração e climatização residencial
- Montador e reparador de computadores
- Operador de empilhadeira
- Eletrônica automotiva
- Torneiro mecânico
- Eletricista industrial