Indústria: Pará produziu 31,723 milhões de quilos de produtos avícolas em 2019

Dados da Adepará mostram um crescimento de 27% em relação ao ano anterior

02/04/2020 10h12 - Atualizada em 02/04/2020 13h59
Por Monique Hadad (ADEPARÁ)

Números coletados pela Gerência de Inspeção de Carne, Ovos e Derivados da Agência de Defesa Agropecuária do Estado (Adepará) apontam que, em 2019, houve um crescimento significativo da indústria paraense de alimentos cárneos e ovos, se comparado com os dados do ano anterior. O quantitativo está relacionado à produção dos estabelecimentos sob fiscalização do Serviço de Inspeção Estadual (SIE).

Os produtos avícolas cresceram 27%, totalizando 31,723 milhões de quilos. Desse percentual, os cortes congelados foram os mais vendidos no Estado. Em 2019, o Pará também produziu 1,074 milhão de produtos cárneos, o que representa um avanço de produção de 23% em comparação ao mesmo período de 2018, com destaque para o comércio de linguiça. 

Outro dado representativo é o da indústria granjeira, que produziu 28,856 milhões de quilos de ovos de galinha no ano de 2019, o que equivale a um aumento de 158%. Em relação ao abate de carnes bovina e bubalina, nos estabelecimentos registrados no SIE, houve o crescimento de 7,4%, comparado a 2018, e o abate de frangos cresceu aproximadamente 20%.

De acordo com o gerente da Inspeção de Carnes, Ovos e Derivados, Marcos Braga, existem 23 estabelecimentos ativos no SIE do Pará. Entre eles, constam abatedouros frigoríficos, fábricas de produtos cárneos, avícolas e granjas.

Marcos Braga ressaltou a representatividade dos números apurados para a economia paraense. “Os dados divulgados firmam o perfil industrial frigorífico em nosso estado”, afirmou. O gerente também destacou o papel da Agência de Defesa Agropecuária do Estado para a saúde pública.

“A Adepará contribui para que esta produção crescente de alimentos fique dentro de padrões sanitários aceitáveis, garantindo alimentos saudáveis à população” - Marcos Braga, gerente da Inspeção de Carnes, Ovos e Derivados.

Segurança Alimentar - O SIE inspeciona, fiscaliza e controla os aspectos higiênico-sanitários dos produtos, assim como tem por finalidade cadastrar e credenciar os estabelecimentos que desenvolvem atividades de produção, armazenamento e beneficiamento de produtos de origem animal.