Escola de Governança divulga edital do 1º Prêmio Inova Servidor

Iniciativa busca apoiar, reconhecer e multiplicar ações inovadoras no serviço público do Estado

27/01/2020 09h24 - Atualizada em 27/01/2020 10h27
Por Isabela Quirino (EGPA)

A Escola de Governança Pública do Estado do Pará (EGPA) publicou, neste mês de janeiro, o edital do 1º Prêmio Inova Servidor. A iniciativa da EGPA busca valorizar a cultura de inovação no Pará, colaborando com a identificação destas ações, e também com o desenvolvimento e implementação, com o objetivo de apoiar, reconhecer e multiplicar iniciativas inovadoras no serviço público do Estado, criando soluções para os desafios específicos do governo estadual.

O edital pode ser acessado no site da Escola de Governança.

“A partir de 2019, a EGPA assumiu o papel de fomentar a inovação, com base nisso, lançamos o prêmio Inova Servidor. É de grande importância para a escola que o prêmio estimule os servidores públicos estaduais na busca de saídas para os desafios da gestão como um todo e, junto, caminha a valorização do que este servidor produz”, destacou a diretora geral da Escola de Governança, Evanilza Marinho.     

O prêmio é destinado para as ações de inovação desenvolvidas por equipes de servidores que já estejam sendo aplicadas dentro de cada órgão por, pelo menos, seis meses. As equipes podem ser formadas por servidores públicos em atividade na esfera estadual, abrangendo os poderes executivo, legislativo e judiciário, que atuem na administração direta, autárquica e fundacional, bem como em empresas públicas ou sociedades de economia mista.

“A EGPA está considerando como inovação a ação de reformular os processos já existentes e realizá-los de uma nova maneira, mais eficaz, além de novos projetos que colaboram para oferecer os serviços de maneiras mais ágeis para o cidadão. Também é a ideia de fazer um estudo sobre o que está sendo realizado no Estado e, com base nisso, melhorar a execução da gestão pública”, explicou o coordenador do Núcleo de Programas de Valorização do Servidor (NPVS),Lucílio Nery.

As inscrições estarão abertas a partir do dia 2 de março e as equipes devem inscrever suas iniciativas dentro de uma das três categorias de avaliação: Inovação em processos organizacionais na Administração Pública Estadual; Inovação em serviços e políticas públicas na Administração Pública Estadual; Estudos e Pesquisas Inovadoras na Administração Pública Estadual. A mesma iniciativa não poderá ser inscrita em mais de uma categoria.O prêmio ocorrerá em quatro fases.

“No dia 21 de fevereiro, faremos uma apresentação pública de como iremos conceber cada etapa, o prêmio é divido nas etapas de inscrição, validação dos inscritos, a avaliação técnica, que será divida em dois momentos e, por fim, a premiação”, disse Lucílio. As inscrições para o evento de apresentação pública serão abertas em breve.