Festa Literária de Bragança tem contação de histórias com Juraci Siqueira

06/12/2019 13h22 - Atualizada em 06/12/2019 16h39
Por Úrsula Pereira (SECULT)

Uma prática ancestral permanece até hoje na vida das pessoas e mesmo com o passar do tempo, continua sendo fundamental no processo de transmissão de conhecimentos, valores, afetos e elementos culturais de geração para geração. É a contação de história, que a cada dia ganha mais adeptos e desembarca na primeira edição da Festa Literária de Bragança com um representante ilustre, o poeta Juraci Siqueira.

Juraci, que tem mais de 80 obras publicadas, é um dos um dos mais conhecidos escritores populares paraenses e contou histórias, na manhã desta sexta-feira (6), para crianças e adultos que lotaram um auditório. “Nunca senti tanta emoção em uma simples história. Não tenho mais idade para brincar, mas hoje aprendi fazer um brinquedinho lúdico, barato e tão interessante que vou levar para sempre. Juraci Siqueira na nossa cidade é vida”, relatou a estudante Noely Souza, de 16 anos.

O poeta, que hoje se divide entre a sala de aula e suas criações, conta que escreve até dentro do ônibus, pois segundo ele, não existe falta de tempo e sim ausência de atitude. O escritor já teve livros publicados por meio de prêmios do Instituto de Artes do Pará (IAP), da Fundação Nacional de Arte (FUNARTE). “A contação de histórias é a atividade mais antiga do homem e eu tenho certeza que nas cavernas ele já contava histórias que sempre vêem passando uma mensagem, pois nossas experiências e vivências estão embutidas ali”. O sonho de todo autor é poder expressar seu trabalho para o maior número de pessoas possível e com isso, quem sabe, influenciar principalmente as crianças, mostrando as inúmeras possibilidades da palavra, seja ela escrita, falada ou cantada”.

Juraci segue na Festa Literária de Bragança e é comum encontrá-lo por lá expondo seu trabalho na escadaria do Liceu da Música ou em um cantinho da Arena Multivozes, afinal não existe dia, hora ou lugar para repassar conhecimento e dividir boas histórias.

A Festa Literária de Bragança é uma realização do Governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Cultura (Secult), em parceria com a Associação Sociocultural e Recreativa de Bragança (ASCUBRA) e apoio da Secretaria de Estado de Educação (SEDUC), Fundação Cultural do Pará, Universidade Federal do Pará (UFPA - Campus Bragança) e Universidade do Estado do Pará (UEPA), por meio do Liceu de Música de Bragança, integrando as políticas públicas de fomento ao livro, à leitura e à difusão das linguagens e expressões culturais e artísticas.

 

Serviço:

A Festa Literária de Bragança é parte da 23ª Feira Pan-Amazônica do Livro e das Multivozes, uma ação do Governo do Pará por meio da Secretaria de Cultura (Secult) e acontece no período de 04 a 08 de dezembro, de 10 às 22h, no Liceu da Música de Bragança. A entrada é franca.