Programa Escola da Vida discute importância dos programas sociais

15/04/2019 20h50
Por Redação - Agência PA (SECOM)

Com o tema “A importância dos programas sociais como instrumento de transformação na sociedade atual” foi aberta, na manhã desta segunda-feira (15), a 6ª Semana Pedagógica do Programa Escola da Vida, mantido pelo Corpo de Bombeiros Militar do Pará. Da cerimônia, realizada no auditório do Comando-Geral da corporação, participaram a presidente da Fundação Parápaz, Ray Tavares; o coronel Hayman Apolo de Souza, comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar do Pará; coordenadores do “Escola da Vida” em todo o Estado e alunos que serão atendidos pelo programa a partir deste ano, em diversas unidades do Corpo de Bombeiros, na capital e no interior.

Com 25 anos de existência e mais de 26 mil jovens atendidos, o Programa Escola da Vida é uma iniciativa de responsabilidade social que oferece a adolescentes informações, orientações, treinamento, educação e base de apoio para uma formação cidadã. O trabalho é desenvolvido com base no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e no Plano Estadual de Segurança Pública, o qual estabelece que a política de atendimento aos direitos da criança e do adolescente seja desenvolvida por um conjunto articulado de ações governamentais e não governamentais, de todos os entes federados do País. Atualmente, há 3 mil alunos atendidos no programa, distribuídos em 27 unidades do Corpo de Bombeiros.

Cultura de paz - Assim como a Fundação Parápaz, o “Escola da Vida” dissemina a cultura de paz como forma de prevenção à violência, por meio de atividades socioeducativas, culturais e desportivas, destinadas a crianças e adolescentes de baixa renda e em situação de vulnerabilidade social. “O programa tem oportunizado condições mais dignas a meninos e meninas em condição de vulnerabilidade, com formação de cidadãos com uma visão diferente de formação humana, além da abertura de novos caminhos para uma profissão e primeiro emprego, e a parceria formada entre o Corpo de Bombeiros Militar e a Parápaz tem ampliado essas possibilidades”, ressaltou o comandante-geral do Corpo de Bombeiros.

O programa prioriza diversas instruções para formação do cidadão, como noções básicas de primeiros-socorros, educação física, ética e cidadania, prevenção e combate ao uso de drogas, higiene pessoal e coletiva, cuidados com a saúde bucal, educação ambiental, ordem unida, noções de prevenção a incêndios, nós e amarrações e educação no trânsito. 

Durante a cerimônia, Ray Tavares ressaltou a importância de a Fundação Parápaz poder contribuir para o êxito do programa. “Esperamos seguir nesta parceria para o desenvolvimento do ‘Escola da Vida’, programa fundamental feito pelo Corpo de Bombeiros, que tem contribuído para a construção de uma sociedade de paz”, enfatizou a gestora.

Em 2019, as novas turmas do “Escola da Vida” serão instaladas nas seguintes unidades do Corpo de Bombeiros: bairros da Cremação, Mangueirão e Val de Cans (quartel do Comando-Geral), e nos distritos de Icoaraci, Outeiro e Mosqueiro (Belém); municípios de Castanhal, Ananindeua, Santarém, Marabá, Tucuruí, Breves, Curralinho, Santa Izabel do Pará, Abaetetuba, Marituba, Salinópolis, Capanema, São Miguel do Guamá, Cametá, Paragominas, Tailândia, Ponta de Pedras, Moju e Vigia de Nazaré.