Hospital Ophir Loyola recebe doações voluntárias de assessores da Alepa

16/10/2015 19h03
Por Redação - Agência PA (SECOM)

A manhã desta sexta-feira (16) foi diferente e colorida para dezenas de crianças em tratamento contra o câncer no Hospital Ophir Loyola. O grupo de voluntários “Assessores Sangue Bom”, composto por servidores da Assembleia Legislativa do Estado, fez festa para comemorar o dia das crianças. Elas receberam lanches e brinquedos e participaram de brincadeiras na ala da quimioterapia.

Os servidores se mobilizam para organizar campanhas de estímulo a práticas voluntárias. O grupo fez, no dia 28 de agosto, doação de sangue à Fundação Centro de Hemoterapia e Hematologia do Pará (Hemopa), no dia em que se comemorou o Dia do Voluntariado. Essa é a segunda ação do grupo em órgãos públicos do Estado este ano.

Para Adriana Fukuoka, envolvida com a mobilização da campanha, a ideia surgiu a partir do dia da doação de sangue. “Ali nos programamos para a segunda ação do grupo. É um conforto trabalhar com crianças que têm esse problema e às vezes não têm perspectiva. Na verdade, quando a gente chega lá, pensa que vai levar uma palavra de esperança, mas é a gente que sai extremamente confortado”, disse.

Além das doações, o grupo quer levar alegria para aqueles que estão em tratamento. “Nossa mobilização, em primeiro lugar, é para poder fazer um trabalho com crianças. Depois é darmos esse momento de amor como se fosse para um de nós, não como se fosse uma ajuda para alguém distante”, frisa Adriana.

Além da distribuição de brinquedos, as crianças receberam um lanche balanceado com sucos e frutas e foram animadas com brincadeiras e palhaços. Para a enfermeira do hospital Zoé Silveira, fazer com que as crianças saiam da rotina já é um ganho muito grande, pois o tratamento é cansativo e, às vezes, se torna estressante para elas.

Para a presidente da Associação Voluntária de Apoio à Oncologia (Avao), Ana Klautau Leite, essas campanhas são muito importantes, pois a entidade vive de doações. “Cada vez que chega material ou um grupo como esse se mobiliza, é uma alegria, pois sabemos que a gente vai poder dar um pouco mais de conforto para esses pacientes. É muito importante tudo que chega para nós. O pouquinho que entrar é um montão para todos eles”, assinalou.

Segundo a presidente da Avao, de janeiro a junho de 2015, 16.297 medicamentos foram recebidos de doação e entregues ao hospital. “Também temos 2.775 materiais diversos que recebemos em doação, nesse mesmo período de 2015, e todos entregues aos pacientes em tratamento”, informou Ana Klautau, revelando que o item de maior necessidade dos pacientes são as fraldas geriátricas. “Também temos necessidade de receber escova e pasta de dente, hidratante corporal, desodorante e absorvente hospitalar para os adultos”. A Avao recebe doações todos os dias, de 8h às 16h.

A Avao é uma entidade filantrópica de direito privado, sem fins lucrativos, cuja finalidade é restrita ao apoio assistencial a doentes acometidos de câncer em tratamento no Hospital Ophir Loyola. Foi criada em 10 de março de 1999, por um grupo de senhoras lideradas por Therezinha Colagrossi Ribeiro, com experiência em trabalho voluntário no Hospital A. C. Camargo, em São Paulo.