Irituia recebe curso Cozinha Brasil

06/07/2018 00h00
Por Redação - Agência PA (SECOM)

 

O município de Irituia, localizado no Polo Amazônia Atlântica, recebeu nos dias 5 e 6 de julho o curso Cozinha Brasil. A iniciativa da Secretaria Estadual de Turismo (Setur) contou com as parcerias da Chamma da Amazônia, da Prefeitura Municipal de Irituia e do Serviço Social da Indústria (Sesi). O objetivo é conscientizar a comunidade quanto ao desperdício, por meio do aproveitamento integral dos alimentos. O curso foi ministrado em dois turnos e qualificou 122 pessoas, entre proprietários de restaurantes, lanchonetes, vendedor de comida de rua, merendeiras escolares e comunidade em geral.

O Cozinha Brasil é um curso de educação alimentar e nutricional ministrado por nutricionistas. Para facilitar a apropriação do conhecimento, utiliza a culinária como instrumento educativo, com linguagem e metodologia de fácil compreensão, ligados ao dia a dia do público, dinâmicas de grupo e degustações. Entre os temas abordados estão: alimentação saudável, os alimentos e suas funções, classificação dos alimentos em grupos, alimentos funcionais, roda dos alimentos, grupo dos alimentos, a importância na hora da manipulação dos alimentos e sua higienização, aproveitamento integral dos alimentos, alimentações balanceadas, entre outros. Os participantes aprendem a transformar cascas, talos, folhas e sementes em pratos saborosos e ricos em nutrientes. As receitas são feitas de acordo com as diversidades regionais e alimentos típicos de cada localidade.

“O curso busca qualificar as famílias em educação alimentar, pessoas aprendem no curso a importância e função de cada alimento em seu organismo, como aproveitar melhor as vitaminas, as fibras nos alimentos e elas ainda tem a oportunidade de assistir passo a passo as receitas feitas na hora, podendo degustar dessa alimentação e verificar como elas são saborosas, saudáveis e ricas em vitaminas, as pessoas ficam felizes e satisfeitas em participar do curso, essa é a proposta’’ relata a técnica da Setur, Edme Cunha.

No final do curso os alunos receberam certificado e uma cartilha de receitas. Assim poderão pôr em prática tudo que aprenderam durante o curso, servindo pratos e receitas de baixo custo, que podem ser comercializados em restaurantes, lanchonetes, além de servir de mais uma fonte de renda.

Colaboração (texto): Carolina Barbosa