Operação da PC prende três pessoas e cumpre dois mandados de busca e apreensão, em São Geraldo do Araguaia

Suspeitos foram presos em flagrante e foram apreendidos drogas, balanças de precisão, um veículo e dinheiro em espécie

26/01/2022 14h35 - Atualizada em 26/01/2022 15h09

A Polícia Civil do Pará, por meio da Delegacia de São Geraldo do Araguaia, cumpriu dois mandados de busca e apreensão e prendeu três pessoas em flagrante, durante a segunda fase da “Operação Visita Premiada”, deflagrada nesta quarta-feira (26), no município de São Geraldo do Araguaia. A ação tem o objetivo de combater o tráfico de drogas e contou com o apoio do Núcleo de Apoio à Inteligência (NAI Marabá), 21ª Seccional Urbana de Marabá e Polícia Militar.

“Estamos realizando diligências continuamente para cumprir mandados judiciais expedidos a partir do nosso trabalho como Polícia Judiciária. Geralmente durante as ações, conseguimos identificar e prender autores de crimes como o tráfico de drogas. Vamos continuar trabalhando para tirar de circulação investigados por esse e outros delitos, garantindo mais tranquilidade à população paraense”, afirmou o delegado-geral, Walter Resende. 

Durante o cumprimento dos mandados judiciais, foram encontrados e apreendidos uma quantidade de entorpecentes, dente eles maconha, cocaína e crack. Além disso, foram apreendidas balanças de precisão, um veículo, além de aproximadamente R$ 2.000,00 em espécie.

No momento das buscas, três investigados foram autuados em flagrante e vão responder pelo crime de tráfico de drogas. Após todos os procedimentos cabíveis, os indiciados e todo o material apreendido foram conduzidos à unidade policial para procedimentos e, posteriormente ficaram à disposição da Justiça.

“A segunda fase da operação visita premiada foi bastante exitosa, pois, além dos objetos ilícitos apreendidos, identificamos e prendemos três traficantes que atuavam no município e região”, afirmou o delegado Edésio Ribeiro, que coordenou a operação.

Primeira fase

A primeira fase da “Operação Visita Premiada” foi desencadeada no dia 23 de outubro de 2021, resultando na prisão de sete pessoas em flagrante e cumprimento de 10 mandados de busca e apreensão. Durante a ação foram apreendidos vários tipos de entorpecentes, como maconha, cocaína, crack e ecstasy; além de balanças de precisão, duas armas de fogo e aproximadamente R$2.500 em espécie. Dos sete presos, seis estão respondendo pelo crime de tráfico de drogas e um por posse ilegal de armas de fogo. 

Ao todo, já são 10 pessoas presas e 12 mandados de busca e apreensão cumpridos nas duas fases da operação, que visa o combate ao tráfico de drogas na região. 

Por Roberta Meireles (SEGUP)