Setran construirá ponte na vila Porto Grande, no município de Cametá

Estrutura terá 55 metros de extensão por 8,60 de largura e será erguida por meio de um convênio celebrado entre o Governo do Estado e a Prefeitura de Cametá

21/01/2022 14h41 - Atualizada em 21/01/2022 16h27

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Transportes (Setran), vai construir uma ponte em concreto armado na Vila Porto Grande, distrito do município de Cametá, na região do Baixo Tocantins. A ponte, que será erguida graças a um convênio firmado com a Prefeitura de Cametá, terá 55 metros de extensão por 8,60 de largura. O extrato de convênio entre as partes está publicado para edição desta sexta-feira (21) do Diário Oficial do Estado (DOE).

Para garantir a construção da ponte, o Governo do Estado fará  um investimento superior a R$ 2 milhões. Segundo o titular da Setran, Adler Silveira, a celebração do convênio com os municípios paraenses faz parte da estratégia do Governo de garantir a formação de corredores logísticos em todas as regiões do Pará. “A ponte encurta distância, garante o direito de ir e vir do paraense com mais celeridade e segurança, uma vez que se elimina o translado por embarcações, melhorando o modal rodoviário, garantindo  qualidade de vida ao cidadão”, disse Adler Silveira.

Por meio de convênios, a Setran garantiu nos últimos três anos a construção de 150 pontes em estradas vicinais pertencentes aos municípios. Outras 107 pontes estão sendo construídas de forma direta pela Secretaria. Entre elas pontes de grande porte e estratégicas para o modal rodoviário paraense: a ponte sobre o rio Fresco, em São Felix do Xingu; a ponte sobre o rio  Meruú (PA-151), entre Mocajuba e Igarapé Miri; a ponte sobre o rio Curuá-Una (PA-370) em Santarém; a ponte sobre o rio Tutuí (Transuruará), em Uruará, e ainda as pontes sobre o Alto Rio Capim e rio Alto Acará (PA-256), em Ipixuna do Pará e Acará, respectivamente. 

Por Kátia Aguiar (SETRAN)