Poli Itinerante realizou mais de 500 atendimentos em dois dias, em Santa Izabel do Pará

Testagem e atendimento continuarão nesta sexta (21) e sábado (22), em Santo Antônio do Tauá, de 8h às 16h

21/01/2022 13h45 - Atualizada em 21/01/2022 14h21

Na última quarta (19) e quinta-feira (20), a retomada dos serviços da Policlínica Itinerante, no município de Santa Izabel, na Região Metropolitana de Belém (RMB), registrou 549 atendimentos médicos às pessoas que apresentavam sintomas gripais e casos leves e moderados de covid-19. O serviço também disponibilizou à população testagem para o coronavírus, e do total de usuários testados, 54% apresentaram o resultado não reagente para o vírus.

No primeiro dia de ação, foram realizados 200 atendimentos, e no segundo, com a maior divulgação do serviço oferecido pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), o número saltou para 349. “Percebemos que no primeiro dia, a informação ainda não tinha sido tão massificada, mas ainda sim, a população aderiu e atingimos os 200 atendimentos estabelecidos. No segundo dia, a comparecimento foi maior”, observou Liliam Gomes, diretora executiva da Poli Metropolitana, responsável por uma das frentes da ação.

A gestora observa que a população precisa se cuidar, já que a pandemia ainda não acabou. “Temos um número de infectados significativo. E por isso, é preciso reiterar com a população os cuidados com distanciamento social, isolamento e aglomeração. Estamos no inverno amazônico, e sabemos que essa é a época de maior contágio de outras doenças e sintomas gripais, então devemos tomar os devidos cuidados e dentro do possível, ficar em casa”, acrescentou Liliam Gomes.

Na Poli Itinerante, o usuário com sintomas leves e moderados faz o teste. Se der positivo, passa por consulta com médico e recebe a prescrição dos medicamentos. No entanto, quem testar negativo para covid-19 também terá o atendimento médico assegurado para tratar os sintomas gripais. Caso apresente sintomas mais severos da doença, como falta de ar, a recomendação é que busque imediatamente atendimento nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e prontos socorros municipais. 

 

Retomada

A retomada da Policlínica Itinerante faz parte da estratégia do Governo do Estado para ampliar a testagem de covid-19 no interior do Pará. O projeto segue, nesta sexta (21) e sábado (22), para o município de Santo Antônio do Tauá, no nordeste paraense. A ação ocorrerá na Escola Estadual Inácio Moura, rodovia PA-140, no centro da cidade. O serviço funcionará nos dois dias, das 8h às 16h, contando com 16 profissionais, sendo oito em cada turno, ou seja, três médicos, três enfermeiros e dois técnicos em enfermagem, além de apoio administrativo.

Para o secretário de Estado de Saúde Pública, Rômulo Rodovalho, a retomada do Projeto possibilita a testagem e o diagnóstico precoce para o início do tratamento.

“A Poli Itinerante vem somar esforços às redes de saúde municipal, no atendimento médico da população. Além disso, com a testagem, é possível o usuário esclarecer se os sintomas são de covid ou das síndromes gripais, que tem apresentado muitos casos no Estado, devido ao período mais intenso de chuvas, aliado com o tempo quente e abafado. Lembramos, que é preciso que a população mantenha os cuidados: use máscaras, mantenha uma boa higiene e o principal: complete o ciclo vacinal”, frisou o titular da pasta.  

Depois de Santo Antônio do Tauá, a Poli Itinerante seguirá para São Caetano de Odivelas, onde permanecerá nos dias 24 e 25; e, em seguida, Vigia de Nazaré, nos dias 26 e 27. 

 

Serviço: 

Data: 21 e 22

Horário: 8 às 16h

Local: Escola Estadual Inácio Moura fica na Rodovia PA-140, Centro, Santo Antônio do Tauá.

Texto: Roberta Paraense/ Policlínica Metropolitana

Por Luana Laboissiere (SECOM)