Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz (OSTP) comemora 25 anos em concerto especial 

Com a formação completa, a filarmônica executou a 9ª Sinfonia, um dos clássicos de Ludwig Van Beethoven, em nova edição do Preamar das Festas

21/12/2021 13h00 - Atualizada em 21/12/2021 13h30

Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz, sob regência do maestro Miguel Campos Neto, celebrou seus 25 anos com um concerto clássicoA noite desta segunda-feira (20) foi de celebração no palco do Theatro da Paz. Um concerto  especial marcou a celebração de 25 anos da Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz (OSTP) e lotou a maior casa de espetáculos da Amazônia. A filarmônica, em sua formação completa, presenteou o público com a apresentação da 9ª Sinfonia, um dos clássicos de Ludwig Van Beethoven. A programação, que  integra o Preamar das Festas, é uma realização do Governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Cultura (Secult).

Público lotou o Theatro da Paz para ver e ouvir a OSTP celebrar seus 25 anos apresentando a 9ª Sinfonia, de Ludwig Van BeethovenDesde 2011 a OSTP é regida pelo maestro, Miguel Campos Neto - um dos fundadores, que começou como violonista. Miguel destaca a alegria de fazer parte dessa história. “Pra mim é uma honra, porque para um regente, reger uma obra de comemoração de 25 anos de uma orquestra já é quase um ato de rebeldia, pois defender a cultura,  às vezes, é um ato de rebeldia. Acrescido a isso tem o fato de ser uma orquestra do Brasil (país com poucas orquestras e onde muitas muitas fecham) e ainda o fato de ser no Norte do País, no Pará, onde há menos orquestras que no no sul. Então o nível de honra,  felicidade e emoção são enormes”, destaca. 

Paulo Nascimento é contrabaixista e faz parte do corpo artístico desde sua fundação em 1996 e fala do sentimento de se apresentar esta noite. “Esse é um momento de celebração, mas também de muita gratidão, muito respeito, por essa orquestra e por todos os músicos que passaram por aqui, por todos os maestros, público. Estou muito contente por estar fazendo parte desse momento que é ímpar na história do nosso Estado, na história do Teatro da Paz, essa casa secular e magnífica e por tá fazendo parte dessa orquestra, que com certeza é uma das melhores do país”, diz o músico. 

“Certamente este é um momento muito importante. Não é todos os dias que a gente comemora ¼ de século de uma instituição ou de uma atividade e nesse caso temos uma das melhores orquestras do país, eleita nos anos de 2017 e 2018, como melhor orquestra de acompanhamento de Ópera.O programa é um programa muito bonito que a população quer assistir, quer prestigiar, a procura pelos ingressos começou cedo e estamos muito felizes em celebrar esse momento”, comentou Daniel Araújo, diretor do Theatro da Paz. 

Público teve de apresentar documento de identidade, comprovante de vacinação e seguir medidas preventivas, como o uso de máscaraPara a empresária Susan Lacerda, 32,  poder participar desse momento histórico é um presente. “ Me considero fã dessa filarmônica que é tão valorosa para a cultura do nosso Estado. E poder participar de uma programação tão acessível e tão importante quanto o aniversário da OSTP é um privilégio, um verdadeiro presente ao povo paraense. Desejo vida longa para nossos músicos e para nossa cultura”, destaca a profissional de saúde. 

PROTOCOLOS DE SEGURANÇA
Para garantir a saúde dos visitantes, o Theatro da Paz, opera seguindo rigidamente aos protocolos estabelecidos pelo Decreto Estadual n° 2.044/2021, de 06 de dezembro de 2021, que estabelece o uso obrigatório e permanente de máscara, além da apresentação do documento de identificação e o comprovante de vacinação completo contra a covi-19. Iniciativa aprovada pelo aposentado Isac Barbosa, 68. “ Acho que o primeiro de tudo é a segurança, né? Achei importante esse controle na portaria e trouxe o meu com maior prazer, não me importo de me cobrarem porque é importante pela saúde de todos e só podemos estar aqui hoje, graças a esse controle”, ressalta o aposentado.

A celebração pelos 25 anos da OSTP continua nesta terça-feira, 21, às 20h, com nova apresentação da 9ª Sinfonia. A distribuição dos ingressos terá início às 18h, na bilheteria do Theatro.

*Texto de Josie Soeiro

Por Iego Rocha (SECULT)