Economia solidária é tema de evento promovido pela Seaster

Encontro reuniu mais de 40 empreendedores em Belém para debater desafios na capacitação

16/12/2021 09h45 - Atualizada em 16/12/2021 10h39

Em alusão ao Dia Nacional da Economia Solidária , celebrado no dia 15 de dezembro, a Secretaria de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster) convidou trabalhadores e trabalhadoras da economia solidária para um encontro voltado à formação de novos membros, com um momento para o esclarecimento de dúvidas acerca do segmento e o fortalecimento da rede. A atividade ocorreu no prédio da Escola de Governança Pública do Pará (EGPA), em Belém e reuniu cerca de 41 empreendedores.

A coordenadora da Rede de Cooperação Mãos Solidárias (RECOMSOL), Edilamar Pimenta, realizou uma palestra sobre a importância do trabalho em grupo no gerenciamento de uma rede de cooperação solidária.

“A partir da vivência na prática com a Recomsol, é possível observar a importância da valorização do grupo para manter uma boa gestão, e quando eu falo de grupo, também quero dizer de cada membro que o compõe. É importante levarmos em grande consideração a valorização de nossos colegas de trabalho".

Joana Santos Mota, coordenadora da Central de Mulheres do Tapanã, reforçou em sua palestra os princípios que a economia solidária defende e exaltou a data em questão, por representar a luta pela garantia de políticas públicas voltadas ao segmento.

“Este dia é importantíssimo. É uma data em que comemoramos a luta deste movimento social a nível nacional. É uma data em que exaltamos nosso segmento e nossas conquistas, reafirmando todas elas. A economia solidária é o bem viver, é educação, é saúde e respeito ao próximo, respeito à natureza. Quando falamos deste assunto, e quando temos um espaço como este que foi promovido pela Seaster, é uma grande satisfação a todos nós”, frisou.

A Seaster, regida pela Política Estadual de Fomento à Economia Solidária, tem por diretriz a promoção da Economia Popular e Solidária no Pará, bem como o desenvolvimento de grupos organizados autogestionários de atividades econômicas. Assim, a Secretaria promove um conjunto de ações de apoio e incentivo ao empreendedorismo paraense, através de agendas e eventos de qualificação, como forma de criar novas oportunidades de emprego e renda em todo o estado. 

“Nosso objetivo é o de agregar empreendimentos da economia solidária, com o foco na geração de renda e capacitação entre o segmento. Desta forma, nós orientamos aspectos muito importantes, como a precificação e comercialização de produtos. Promovemos ações durante todo o ano, além de mantermos um cadastro destes empreendedores”, pontua a coordenadora de Empreendedorismo e Economia Solidária da Seaster, Silvia Reis.

Para fazer parte dos grupos de trabalho e acessar mais informações, entre em contato: (91) 98433-3615 ou cees.seaster@gmail.com

Por Camila Santos (SEASTER)