PM forma 130 militares em curso de Adaptação à Graduação de Sargento

Policiais de 35 municípios do Pará participaram da formação que teve duração de dois meses

11/08/2021 10h21 - Atualizada em 11/08/2021 11h48

A Polícia Militar do Pará encerrou na última terça-feira (10) o curso de adaptação à graduação de sargento - Turma II (CGS), durante solenidade realizada no pátio de formatura do Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças ‘’Coronel Moreira’’ (CFAP), no bairro do Marco, em Belém. Com o ato, 130 novos praças da corporação estão aptos para serem promovidos a 2º sargento.

Marcaram presença no evento o chefe do Estado-Maior Geral, coronel Ronald Botelho; o titular do Departamento Geral de Educação e Cultura (DGEC), coronel Paulo Sérgio; o comandante do CFAP, tenente-coronel Artur Silva, entre outras autoridades civis e militares.

O curso teve a duração aproximada de dois meses e foi destinado para os militares que possuem a graduação de 3º sargento. O principal objetivo do CGS é oferecer conhecimento aos policiais que serão promovidos por meio de disciplinas teóricas e práticas, garantindo formação técnico-profissional essencial para o exercício do novo cargo.

A turma do CGS levou o nome 2º sargento José Edmilson da Conceição Barros, em memória, e teve como paraninfo o deputado estadual Fábio de Souza Freitas.

Policiais de 35 municípios do Pará participaram do curso, que teve polo de formação apenas em Belém. Dos 150 militares que iniciaram o CGS, 130 concluíram com aproveitamento as palestras e disciplinas ministradas. O curso contou com instruções de técnica de abordagem, gerenciamento de crise, procedimento administrativo, direito penal militar, direito processual penal militar, entre outras.

O tenente-coronel Arthur Silva, comandante do CFAP, comentou sobre os desafios enfrentados. "Para que chegássemos até aqui, houve um esforço enorme por parte deste Centro de Formação. Oficiais, sargentos, cabos, soldados e voluntários civis, todos trabalharam incansavelmente para que o dia de hoje chegasse", destacou o militar.

Durante a solenidade, ganharam destaque no evento os três primeiros colocados no curso. O 3º sargento Eder Judson Almeida Trindade, com a primeira colocação, seguido dos sargentos Joelson da Silva e Souza, e Mario Augusto Mendes Ribeiro, ocupando a segunda e terceira posição respectivamente.

O chefe do Estado-Maior Geral, coronel Ronald Botelho, aproveitou a oportunidade para parabenizar os formandos e destacou que os militares estão sendo preparados para uma nova fase na carreira militar. "Vocês terão o condão de educar, orientar, acompanhar, corrigir os erros e apontar a direção correta de nossos cabos e soldados. É uma missão árdua e importante", pontuou o oficial.

Para minimizar as chances de contaminação pela Covid-19 entre os participantes, foram disponibilizados álcool em gel em todas as salas, com limitação máxima de 30 alunos em cada uma delas. Além disso, foi obrigatório o uso de máscara por todos os militares, e exigido ainda a imunização com a vacina contra o novo coronavírus.

Texto: Matheus Soares/ ascom PM

Por Luana Laboissiere (SECOM)