Estado garante investimentos em estradas vicinais de cinco municípios do Sul e Sudeste

Os recursos que serão repassados às prefeituras, por meio de convênios, vão garantir vias melhores para o escoamento da produção

21/07/2021 14h30 - Atualizada em 21/07/2021 19h11

Governador Helder Barbalho com os prefeitos dos municípios contemplados com recursos para as vicinaisO governo do Estado firmou nesta quarta-feira (21) convênios com as prefeituras de Bannach, Cumaru do Norte, Eldorado do Carajás, Rio Maria e Sapucaia visando à recuperação de vicinais e aquisição de óleo diesel para abastecer máquinas e equipamentos utilizados em serviços de conservação e manutenção dessas vias. Os convênios foram assinados pelo governador Helder Barbalho e pelo secretário de Estado de Transportes, Adler Silveira, e os prefeitos dos cinco municípios.O governador mostra o convênio assinado ao lado do prefeito de Cumaru do Norte, Célio Marcos Cordeiro

Helder Barbalho destacou que o investimento na construção de estradas vicinais vai garantir aos municípios melhores condições para o escoamento da produção. "Isso tudo deve reafirmar o compromisso de nossa gestão, uma vez que estamos jogando luz sobre as regiões Sul e Sudeste do Pará", ressaltou o governador.

A celebração de convênios entre prefeituras e o Estado é um instrumento legal de transferência recursos, uma vez que a Secretaria de Estado de Transportes (Setran) não pode executar obras em estradas fora de sua jurisdição. Os municípios entram com a contrapartida na execução dos serviços.

Governador Helder Barbalho e a prefeita de Eldorado do Carajás, Iara Braga O secretário Adler Silveira enfatizou que os convênios terão reflexos diretos na mobilidade da população e no escoamento da produção. "É mais conforto para quem transita por entre essas rodovias", afirmou.

Municípios beneficiados - Para o município de Bannach, o valor do convênio será utilizado na aquisição de 154.839 litros de óleo diesel e na recuperação de estradas. "Governador, agradecemos pela oportunidade e compromisso. O carinho com que tem acolhido Bannach, um dos menores, mas não menos importantes municípios do Estado, é muito especial. Tenho certeza que você colabora para que este pequeno município se torne maior em desenvolvimento", disse a prefeita de Bannach, Lucineia da Silva.Helder e a prefeita de Rio Maria, Márcia Ferreira, na assinatura do convênioO município de Cumaru do Norte irá recuperar as estradas vicinais de acesso às localidades de Mata Verde e Serra Azul. O prefeito de Cumaru do Norte, Célio Marcos Cordeiro, ressaltou que "o sonho de toda a população do nosso município está se realizando com a pavimentação da PA-287, que logo deve começar e transformar a vida de toda a nossa população e do nosso setor produtivo. Hoje, vim aqui assinar um convênio que deverá revolucionar nosso modo de vida, com muitas estradas vicinais".Helder Barbalho ao lado da prefeita de Bannach, Lucineia da Silva

Desenvolvimento - Já o município de Eldorado do Carajás será contemplado com a recuperação de 224,10 quilômetros de estradas vicinais. Segundo a prefeita de Eldorado do Carajás, Iara Braga, frisou que todos precisam ser beneficiados pelo desenvolvimento do Estado. "Aqui temos a garantia de mais desenvolvimento e progressão para os nossos produtores. Estamos ajudando na produção e no progresso do comércio local. É o governo que tem nos auxiliado com tantas realizações", garantiu.Helder Barbalho e o prefeito de Sapucaia, Wilton Lima

No município de Rio Maria, os recursos serão destinados à aquisição de mais de 150 mil litros de óleo diesel para recuperação de 254 km de estradas vicinais. A prefeita de Rio Maria, Márcia Ferreira, também agradeceu ao governo do Estado. "O meu sentimento é o mesmo de vários moradores daqui, com a certeza de que teremos um local mais valioso e digno de se viver. Sua gestão favoreceu nossa felicidade e nossa perspectiva", declarou a prefeita.

A recuperação das estradas vicinais de acesso às localidades Rio Vermelho e Marajaí são as metas do município de Sapucaia. O prefeito Wilton Lima ressaltou, após assinar o convênio, que "isso, certamente, vai contribuir com o nosso crescimento. Esse convênio vai honrar conosco e com as populações que residem e vivem da produção rural. Vai cuidar das populações que moram nas zonas urbanas e de todo o nosso Estado".

Por Kátia Aguiar (SETRAN)