Sectet e Inteceleri lançam projeto para facilitar uso de novas tecnologias no Pará

Implantação de novas ferramentas não substitui papel dos professores e representa avanço nas maneiras de ensinar e aprender

07/07/2021 17h15 - Atualizada em 07/07/2021 17h40

A Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Superior, Profissional e Tecnológica (Sectet) lançou  nesta quarta-feira (7), no auditório do Conselho Estadual de Educação, o projeto Sectet + Google for education, que é resultado da parceria entre a Sectet e a empresa Inteceleri, parceira da Google. O objetivo é possibilitar o uso de diversas ferramentas tecnológicas para facilitar o processo de ensino e aprendizado da rede de Escolas de Ensino Técnico do Estado do Pará (Eetepas), sob gestão da Secretaria desde julho do ano passado.

Na oportunidade, o titular da Sectet, Carlos Maneschy, enfatizou a importância da transferência de gestão dessas escolas para a Secretaria que chefia, lembrando que significa a transformação de diversos componentes, como infraestrutura, pedagogia, assim como a tecnologia disponível. “A Sectet vai se esforçar para colocar à disposição de todos tudo aquilo que almeja com esse processo e, assim, melhorar os indicadores educacionais no estado”, sinalizou.

O secretário destacou ainda como fundamental o envolvimento tanto dos profissionais que atuam nas escolas, bem como dos alunos, no uso das tecnologias que serão disponibilizadas pelo processo. Ele lembrou que a utilização das ferramentas tecnológicas não deve diminuir o papel estratégico dos professores.

Para o coordenador de ensino técnico e tecnológico da Sectet, José Pereira Neto, o uso da tecnologia na educação é uma tendência com resultados positivos, por isso, a Secretaria trabalha para levar aos professores e alunos das Eetepas o que há de melhor nesse sentido. “Me sinto orgulhoso pelo que está ocorrendo na gestão das escolas técnicas. A tecnologia é uma ferramenta fundamental nesse processo, principalmente no que diz respeito à base para entrada dos alunos no mercado de trabalho. Este é um avanço significativo na forma de ensinar e aprender”, pontuou.

Durante o evento, além do titular e do coordenador da Sectet, também estiveram presentes à mesa o diretor educacional da Inteceleri, Walter Oliveira; a líder da área pedagógica da empresa, Bárbara Chagas; a representante do Conselho Estadual de Educação, Beatriz Padovani; o professor da Universidade Federal do Pará, Yuri Santiago; e o coordenador de tecnologia da informação da Secretaria, Carlos Augusto Motta. Na plateia, de forma presencial, estavam servidores da Sectet e, de forma remota, participaram diretores e professores das Eetepas.

Nos próximos dias, tanto servidores como os profissionais da escolas técnicas participarão de treinamento, realizado pela equipe Inteceleri, para aprenderem a usar as ferramentas Google no processo de ensino-aprendizado. 

Texto: Fernanda Graim (Ascom/Sectet)

Por Fernanda Graim (SECTET)