Pará recebe visita de ministro do Turismo e de investidores europeus

Potencial turístico de cidades no oeste do Pará foi destacado para empreendedores.

10/06/2021 17h17 - Atualizada em 11/06/2021 14h59

Avaliar o andamento das obras do Ministério do Turismo no Pará e apresentar o potencial da região Norte para investidores espanhóis. Com esses objetivos, o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, esteve no estado, na última terça-feira (08), acompanhado de uma comitiva que passou pelas cidades de Santarém e Belterra, no oeste paraense. O secretário de Estado de Turismo do Pará, André Dias, foi o anfitrião da missão do governo federal.

Para o ministro, esse tipo de experiência fortalece a imagem do Brasil como um destino único para turismo de natureza e como um forte campo para investimentos. “Não tenho dúvidas de que essa experiência permitiu que investidores espanhóis conferissem pessoalmente o que eu sempre tenho dito sobre o nosso potencial: o Brasil é o país mais preservado no mundo e o melhor país para se investir”, afirmou Gilson Machado Neto.

Em Santarém, o ministro vistoriou as obras da orla da praia do Maracanã, que contam com investimentos de quase R$ 4 milhões do Ministério do Turismo. A intervenção terá grande impacto positivo para o turismo e para os moradores da região. Ainda na cidade, Machado Neto conheceu o Projeto Orla do Rio Tapajós, no bairro Aldeia, que vai melhorar a infraestrutura local. A obra, que estava parada, foi retomada por meio de recursos do governo federal. Durante a visita, investidores estrangeiros puderam conhecer de perto o encontro das águas dos rios Tapajós e Amazonas.

Já em Belterra, a comitiva do MTur tratou do desenvolvimento do turismo no município e teve contato com projetos para o setor, em especial na área de turismo de natureza e etnoturismo. No município, o ministro do Turismo visitou as obras do Museu da Ciência da Amazônia, o MuCA, que abrigará um acervo de plantas das duas maiores florestas produtivas do estado do Pará: a Floresta Nacional do Tapajós e a Reserva Extrativista do Arapiuns. Além disso, será uma referência para a cultura, para o turismo e para a educação de jovens da região. Machado Neto visitou também as obras de restauração da antiga casa de Henry Ford, que é um importante marco histórico da cidade de Belterra.

“A vinda do ministro é de extrema importância para avançarmos com o projeto Tapajós. O MTur está 100% engajado junto com outros ministérios do governo federal na consecução desse projeto. Eles puderam conhecer de perto, se inteirar das questões locais, das dificuldades e dos desafios, mas também das oportunidades. Ele volta pra Brasília encantado com a região, com a certeza que o Tapajós deve ser priorizado e com mais gás ainda para tocar o projeto”, garantiu o secretário de Turismo do Pará, André Dias.

Ao fim da visita oficial, os empreendedores espanhóis conheceram as belezas do rio Tapajós e o projeto do governo federal para atração de investimentos. Em um percurso de barco, os convidados visitaram a região de Alter do Chão.

Texto: Israel Pegado

Por Valéria Nascimento (SECOM)